Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

2014 VAI SE DESPEDINDO



O mundo gira... (quanta novidade!) Novos acontecimentos e emoções...
Por que sentir tristeza ou tédio? 
Ouça músicas, veja filmes, viva intensamente cada momento! 
Não precisa focar no que distorce e no que fere! 
Aprecie o belo, o sol que nasce todos os dias e o seu despertar. A flor que enfeita um jardim, a criança que sorri ao te olhar. 
Há decepções, contudo há o direito de escolha, de fazer diferente, de manifestar nas ruas, de votar. De denunciar e ter o privilégio de viver em uma democracia ainda e ser livre!
A vida não é fácil mesmo, mas vamos com a certeza de que viver, sempre vale a pena. 
Viver cada esforço, vencer cada luta diária para cumprir nossa missão, fazer o bem e ser feliz!
Embora insistam na guerra, vamos acreditar que a paz no mundo depende da paz que trazemos em nossos corações!
Em 2014, tivemos grandes motivos para sorrir ou para chorar. 
Mas o que importa é que nos tornamos melhores e mais fortes a cada dia!
2014 vai se despedindo e o melhor brinde é pra mim... 
Que mesmo diante de todos os conflitos, problemas, tribulações, lutas e tempestades, RESISTI, e estou aqui combatendo, lutando e me preparando para receber 2015.
E ainda que venham as tempestades, estarei de pé, firme e forte, porque eu tenho um D’us que me levanta todos os dias e renova minhas forças. Sou-lhe gratidão!
E eu creio, ah creio mesmo, que 2015 será o ano da vitória, da colheita: para você, para mim e para o mundo todo!!!
Um natal abençoado com muita luz, amor e paz e até 2015 amaados meus!!!
"Em
tempo
de Festas
desejo a você apenas o tempo.
Que você seja aquele que conduz o seu tempo
e faça dele um aliado,
 para que possa realizar tudo o que desejar.
Que você reconheça a preciosidade de cada instante e,
consciente desta riqueza,
 faça as melhores escolhas.
Que você permita o silêncio habitar no seu tempo,
porque o silêncio  tudo organiza, tudo pacifica, tudo acalma.
Que você se encontre no centro do seu tempo e de lá orquestre a melhor sinfonia:
a sua vida  plena"

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

E DEZEMBRO CHEGOU!



Foi assim, um ano se passou e eu não vi. Mas antes que o final do ano me atropele com sua urgência de faxinas, despedidas, confraternizações e festas, faço uma pausa para mostrar o que trouxe na bagagem. Fico acanhada, porque trago apenas algumas lembranças. Momentos preciosos, de risadas libertas, sem motivo maior. Lágrimas emocionadas. Um dia a dia simples. Depois, o acanhamento passa. Afinal, não convém mesmo carregar muito peso na bagagem. Saibamos andar leves.
A Terra gira rápido. O tempo também é rápido e deixa um rastro. Outras histórias. Que podem ser rápidas, como contos, ou longas epopeias. É preciso passar as páginas para entender a versão do tempo. Cada ano que passa correndo é uma história que se escreve lentamente. Da janela, vejo a vida passando. E lá se vai mais um dia, mais um mês, o ano todo. Curtir é desacelerar. É o que eu desejo pra você no ano que está chegando. Pra você que veio calar pra ver e eu mostrei um pouquinho que seja. Pra você que veio só conferir. Pra você que vem sempre aqui e fala pra mim. Pra você que já passou e não conta pra ninguém. Pra todos vocês, muito, muito obrigada por compartilhar das minhas palavras. Estou aqui. Permaneço.
Ocorreu um erro neste gadget