Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

sexta-feira, 31 de maio de 2013

"A" FESTA!




A sinagoga estava um primor. À direita Vanessa ao lado de seu pai.
Sempre que tenho a honra de ser convidada e participar de uma festa maravilhosa fico, por dias, pensando nela e em seus anfitriões. Poderíamos acreditar que para celebrar uma data basta ter dinheiro. Não. Não é! O ingrediente principal, para mim, chama-se generosidade! Tem que se ter muita para, nos mínimos detalhes, doar a cada convidado a alegria da celebração. Tem gente que faz para retribuir convites recebidos, outros para aparecer em sua nova riqueza ou esconder o salame comido dia sim e outro também, alguns pela obrigatoriedade e necessidade de algum tipo de satisfação social e poucos, bem poucos mesmo, pela alegria e gratidão de chegar àquela ocasião: “Baruch ata Adonai Eloheinu melech haolam, shehecheianu vekiimanu vehiguianu lazman haze”. Louvado seja, ó Eterno, nosso D’us, Soberano do universo, que nos conservaste com vida, nos amparaste e nos fizeste alcançar esta data festiva! Em tempos onde tudo louva o ego, a publicidade, os discursos, as informações que nos chegam cultuam o “eu”, o casal anfitrião sabe que o indivíduo existe é no coletivo e nas relações afetivas!
Uma festa como essa, maioridade judaica de uma filha única - é planejada com meses, às vezes ano(s) de antecedência, nos mínimos e em cada detalhe. Não adianta contratar o melhor cerimonial, Buffet, decorador, boleira e doceira, banda e tudo mais que faz parte de uma celebração desse porte. Há que se ter o toque dos dedos precisos e caprichosos dos anfitriões. Ricardo e Anaíne, primos queridíssimos, deixaram suas digitais em cada mínimo detalhe deliciado pelos convivas. Do convite - arte pura – à emoção da cerimônia religiosa. Da arte de bem recepcionar - deixando à vontade e acolhendo seus convidados - ao deslumbre da festa noturna. Acolhimento que forrou o chão de quem chegava com adjetivos também escolhidos a dedo. O tapete das palavras vazias, de quem agrada porque tem interesse, é o antiacolhimento. Os substantivos empilhados com pragmatismo também. Ficam longe, bem distante, desse casal. Na sintaxe das relações pessoais, as frases precisam de preposições adequadas, conjunções encaixadas com zelo, verbos bem conjugados, adjetivos precisos. Só suspeitava que eles fossem bam-bam-bans nesse português de bem viver a vida e da boa convivência. Agora não mais desconfio. A certeza que são alunos nota 10 - com louvor - me faz orgulhosa de tê-los primos.  E o modo verbal para essa festa? Alguma dúvida?Mais que Perfeita! Na carência de adjetivos suficientes para tamanho deleite deixo aqui um simples substantivo: Parabéns Ricardo, Anaíne e Vanessa por essa partilha maravilhosa! E vocês, amados meus, apreciem as fotos sem moderação.
Depois da cerimônia um Kidush(um espécie de Brunch) tipicamente judaico.
Um pouco da decoração do salão à noite.
As tulipas...maravilhosas!
Raras e belas orquídeas!
Mesa de doces...minha perdição...uma das!
A delicadeza do bolo
Vó Sara...lindona e orgulhosa da neta!
Tios

Mais tios e primo vindos de Sampa
E mais tios...todos felizes demais!
As manas...faltou uma...fazer o que?!
Minha prima Nanda Bunchen linda de viverrr!

Ju e Lu...primas lindas de viverrrr! Fico doida com essas mininas...

Pra ver bem de pertim tanta exuberância!
Pés dançantes
Pés dançantes, mas já no conforto das havaianas customizadas.
Preta e Daiana...amigas desde sempre.
André e o primo Daniel na maior bossa de suspensórios

Casal mais lindo...E viva os jovens e o amor tb!
Tatto mais linda...significa VIDA!!!
Pista de dança antes do auê!

25 comentários:

  1. Mas que grande festarola ! ... e quanta gente liiiinda ! :)))

    Beijim, Rê ! :)))
    .

    ResponderExcluir
  2. Charme e elegância é o nome dessa beleza toda. E se havia alegria e amor, então estava tudo mais que bacaninha.

    E tu nesse pretinho pra lá de básico, linda de viver. Galêga linda da Mi!

    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Querida amiga

    Em dias assim,
    a vida se alimenta
    de alegria
    por muitas semanas...

    A vida é feita
    dos sonhos que nos habitam.

    ResponderExcluir
  4. Belas tradições, celebrações levadas a sério por este povo que preza e cultiva suas origens e costumes!
    Festa lindíssima, cheia de gente bonita!
    Parabéns, Rê!

    ResponderExcluir
  5. Oi, Regina!!
    Que família linda você tem!!
    Não sabia da comemoração da maioridade judaica. Esses festejos reforçam os valores e os laços afetivos. Aqui deixo registrado minha admiração!
    Tulipas...
    Bom fim de semana!!
    Beijus,

    ResponderExcluir
  6. Olá, RÊ!

    Olhando para o texto e fotos, foi uma festa de arromba, como por aqui se diz.É bom viver momentos como este, e ainda mais ter uma família assim.
    Linda reportagem; parabéns!

    Bom fim de semana; beijinhos amigos.
    Vitor

    ResponderExcluir
  7. Que festa linda!!!
    E tua foto no perfil ta doce rss.
    Beijos d Sol

    ResponderExcluir
  8. As fotos falam por si... a tradição, a filosofia de vida que pode-se observar no teu post todinho, é de uma beleza rara, e falando nisso... que família linda, Rê!!

    A gente passa por aqui e sai alimentada de tanta coisa boa... obrigada por compartilhar, dividir é habilidade de poucos!
    Bjãozão amada!!

    ResponderExcluir
  9. Olá Rê!
    Linda essa tua dedicatória e essa tua (só tu mesmo ) apreciação cuidada das pessoas.
    Estás elegantísssima, olha que linda!
    Bjs, fica bem minha querida amiga.

    ResponderExcluir
  10. Uau Regina!!!

    Essas festas judaicas são também muito generosas na beleza e no requinte dos quitutes, hummmmm...

    Tenha um lindo domingo!

    Bia
    www.biaviagemambiental.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Que festança! Só para você saber, adoro comida judaica, ia me acabar. Aliás de dançar também, risos
    Vou a me Minas só para conhecer o Jeca Tatu, tenho certeza que só por aí tem desses trem.
    bjs
    Jussara

    ResponderExcluir
  12. Linda linda festa

    lindo casal
    belíssima noiva
    ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
    Reginaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
    ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
    muita luzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
    pazzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
    amorrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrhuhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu

    ResponderExcluir
  13. Que maravilhosa festa! pensada nos mínimos detalhes como se percebe! Linda!beijos,chica

    ResponderExcluir
  14. Rê iluminada...
    também não sabia da comemoração à maioridade da filha.
    Mas não há dúvida de que beleza, bondade, filosofias de vida pautadas mais no ser do que o ter se conectam.
    Belíssimo o como você descreveu a festa.
    Minha amiga querida, por isto é iluminada. E junto a vc se acercam os seres que brilham.
    Amei ler. Amei ver tanta gente linda. E saber que fazem parte da sua vida!
    Lindooooo.
    AMEI!
    Muitos beijos, minha amiga do coração!

    ResponderExcluir
  15. REGINA

    Que festa magnífica. Seu post foi lindo e descreve realmente tudo especial que nela tinha. Pessoas bonitas, decoração perfeita e tudo original e repleto de flores por todos os cantos.
    Bjos e uma linda semana.

    ResponderExcluir
  16. Nooooossa, Rê, que beleza de festa!
    Então, a maioridade, tanto a feminina quanto a masculina são muito bem comemoradas no meio judaico, não sabia disso. Imagino o casamento então!
    Você, como sempre, linda de viver e a família toda, gente bonita e elegante. gostei demais de 'bisoiar' esta festança.
    beijos cariocas


    ResponderExcluir
  17. Minina Regi:
    Não entendi quanto ao comentário, os portugueses tributando,"inimigos????"

    Reginaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa.
    Viver é muito Bão!
    Viva La Vie

    ResponderExcluir
  18. minina Reginaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa,desculpe,amore mio,me esclareceu trocadilho seu,perdão por burrice minha,aafffff marie!

    bzixxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

    ResponderExcluir
  19. Olá Regina,

    Depois de um tempinho ausente cá estou de volta.
    Menina que festança , tudo feito com muita criatividade e muito bem planejada. As fotos estão super bonitas. Tem tradições que são levada no pé da letra. Acho super bacana isso.
    Adorei!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  20. Que maravilha parabéns pela festa beijo Lisette,

    ResponderExcluir
  21. Que festão! Tudo mt chique e cheio de mulher linda! rs Beijos e boa semana!

    ResponderExcluir
  22. Amiga,

    Que espetáculo de festa!
    Tudo de bom para a aniversariante e parabéns a essa linda família que tão nobremente sabe honrar suas tradições e sua união!
    Linda de viver!

    Beijinhossssss

    ResponderExcluir
  23. Passando para agradecer a visita tão carinhosa, nesse post chique! bjssssssss

    ResponderExcluir
  24. Que maravilha de festa! Fico encantada por ficar a conhecer aspetos que desconhecida, ligados a tradições!

    Requinte e simpatia!

    Bjos, RÊ :)

    ResponderExcluir

Passou por aqui? Deixa um recado. É tão bom saber se gostou, ou não...o que pensa, o que vc lembra...enfim, sua contribuição!

Ocorreu um erro neste gadget