Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

domingo, 10 de abril de 2011

OVOS


Como hoje é domingo, dia de almoço especial, nada como degustar esse texto de Guaraci Neves baseado nos ditos populares. Só de ler engordei minha exuberância de ser! Além disso, ele descreve de maneira apropriada como eu ando com a minha escrita. Estou borbulhando... Começo escrevo alguns parágrafos e empaco. Ou então, tenho que correr para dar conta do serviço doméstico. E assim não sobra tempo nem energia para ligar o computador, visitá-los e claro comentar. Será que passa?! Enquanto isso e no frigir dos ovos desejo um domingo recheado de luz e amor para vocês. 
"Alguém sabe me explicar, num português claro e direto, sem figuras de linguagem, o que quer dizer a expressão "no frigir dos ovos"?
Quando comecei, pensava que escrever sobre comida seria sopa no mel, mamão com açúcar. Só que depois de certo tempo dá crepe, você percebe que comeu gato por lebre e acaba ficando com uma batata quente nas mãos. Como rapadura é doce, mas não é mole, nem sempre você tem idéias e pra descascar esse abacaxi só metendo a mão na massa.
E não adianta chorar as pitangas ou, simplesmente, mandar tudo às favas. Já que é pelo estômago que se conquista o leitor, o negócio é ir comendo o mingau pelas beiradas, cozinhando em banho-maria, porque é de grão em grão que a galinha enche o papo.
 Contudo é preciso tomar cuidado para não azedar, passar do ponto, encher linguiça demais. Além disso, deve-se ter consciência de que é necessário comer o pão que o diabo amassou para vender o seu peixe. Afinal não se faz uma boa omelete sem antes quebrar os ovos. Há quem pense que escrever é como tirar doce da boca de criança e vai com muita sede ao pote. Mas como o apressado come cru, essa gente acaba falando muita abobrinha, são escritores de meia tigela, trocam alhos por bugalhos e confundem Carolina de Sá Leitão com caçarolinha de assar leitão. 
 Há também aqueles que são arroz de festa, com a faca e o queijo nas mãos, eles se perdem em devaneios (piram na batatinha, viajam na maionese... etc.). Achando que beleza não põe mesa, pisam no tomate, enfiam o pé na jaca, e no fim quem paga o pato é o leitor que sai com cara de quem comeu e não gostou.
O importante é não cuspir no prato em que se come, pois quem lê não é tudo farinha do mesmo saco. Diversificar é a melhor receita para engrossar o caldo e oferecer um texto de se comer com os olhos, literalmente.
 Por outro lado se você tiver os olhos maiores que a barriga o negócio desanda e vira um verdadeiro angu de caroço. Aí, não adianta chorar sobre o leite derramado porque ninguém vai colocar uma azeitona na sua empadinha, não. O pepino é só seu, e o máximo que você vai ganhar é uma banana, afinal pimenta nos olhos dos outros é refresco...
A carne é fraca, eu sei. Às vezes dá vontade de largar tudo e ir plantar batatas. Mas quem não arrisca não petisca, e depois quando se junta à fome com a vontade de comer as coisas mudam da água pro vinho.
Se embananar, de vez em quando, é normal, o importante é não desistir mesmo quando o caldo entornar. Puxe a brasa pra sua sardinha, que no frigir dos ovos a conversa chega à cozinha e fica de se comer rezando. Daí, com água na boca, é só saborear, porque o que não mata engorda." (Guaraci Neves)

24 comentários:

  1. Rê amada

    num é que o omi falou tudim e ainda fez graça??


    beijocas

    Loisane

    ResponderExcluir
  2. Criativo o autor, elaborou uma bela salada bem temperada e com o humor na dose certa.
    Adorei essa culinária domingueira, irmiga...que não chiem muito os ovos ao serem aquecidos no fundinho da frigideira...rs

    Bjo grande, tire o domingo pra degustar a vida, amada!

    ResponderExcluir
  3. muito dez. Fez-me lembrar minha mãe com seus ditos populares.O pior é aquele : Comeu o pão que o diabo amassou com os pés. Aqui não falamos pirou, mas "está fora da casinha". Bom final de semana com mil bjs.

    ResponderExcluir
  4. Rê Amiga Corajosa,
    Escrever é como tirar o doce da boca de criança...
    É isso mesmo! É dificil! Embora para a minha amiga não seja tanto assim. Gosto de ler tudo o que escreve. Por vezes, comentar é um pouco mais difícil. Faço cara de ovo estrelado que vai para a frigideira; volto para ver se já consigo fazer um comentário.
    Uma coisa é certa, gosto de si e da sua maneira franca e aberta de se dirigir aos seus amigos.
    Um XIÃO,
    Jorge

    ResponderExcluir
  5. - Receita de Guaraci Neves, preparada pela Chef Rê Rozenbaum, é um prato cheio! Raspei o fundo do tacho, e empanturrei-me de guloseimas como uma criança...
    - Beijos açucarados, meu doce-de-coco...

    ResponderExcluir
  6. Essa "desuneração" literária acontece mesmo com todo mundo, tem pra onde correr não, só resta esperar que retornem a vontade e inspiração. Estou pensando em tomar umas decisões meio doidinhas... Talvez, quem sabe, comerei um prato meio indigesto, mas necessário.

    Beijos, exuberância de ser.

    ResponderExcluir
  7. O texto é supimpa, de uma criatividade espetacular, parabéns por vc ter escolhido tão bem!

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Muito saboroso este seu texto cozinhado a lume brando... é de comer e chorar por mais! :)beijo

    ResponderExcluir
  9. Muito bom de ler...
    rsrs gostei.

    beijo Rê..
    Querida minha.

    ResponderExcluir
  10. Primoroso este texto..de se comer e chorar por mais!! E como sem ovos...não se fazem omeletes, espero que o teu almoço de domingo tenha sido um sucesso porque...dos fracos não reza a história!!
    Beijocas e boa semana.
    Graça

    ResponderExcluir
  11. Já conhecia o texto, me deliciei com os ovinhos. Imagine se eles olhassem mesmo assim pra gente, na hora em que vamos quebrá-los e jogá-los numa frigideira, numa batedeira ou num liquidificador? Ô dó... Beijinhos, Angelinha

    ResponderExcluir
  12. Tem surpresa para você no meu blog – um selo de reconhecimento. Passa lá e pegue-o.

    Edson Carmo

    ResponderExcluir
  13. Depois eu é que sou engordativa de sua alma neh?
    No frigir dos ovos o texto é fantastico miga.
    brigadim por compartilhar.Beijos achocolatados

    ResponderExcluir
  14. Rê, que texto calórico!
    Devorei cada palavra, pois, farinha pouca, meu pirão primeiro!
    Interessante como metade do assunto de nossas vidas tem a ver com comida!
    Fui, porque não quero viajar na maionese nem entornar o caldo!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  15. Regina.

    Muito bom.
    Beijos e uma semana recheada de Paz e Saúde.

    Renata

    ResponderExcluir
  16. Querida amiga, belíssimo texto. Tenha uma linda semana. Beijocas

    ResponderExcluir
  17. KKK ADOREI ...MUITO BOM MESMO..E FALAR DE TUDO É COMPLICADO NÉ RE..FALAR EM PUBLICO ENTÃO NÃO ACHEI QUE SERIA TÃO DIFICIL..FALAR DE TUDO É DIFICIL POR QUE NOS SOMOS PESSOAS E QUE O QUE É BOM PRA MIM PODE SER RUIM PRA VC..DAI VC VE PESOAS FALANDO DE VOCE PELO QUE ESCREVEU GENTE QUE NÃO TE CONHECE ...GENTE QUE VC ACHAVA QUE TE CONHECIA E NÃO TE CONHECE E VOCE TENTAR AGRADAR DAQUI E DALI.SRSRSR FRITA DE CA E DE LA..ENGROSSA O CALDO DESANDA ..E ASSIM VAI..PENSAR EM DESISTIR JA PENSEI..EM MANDAR AS FAVAS TODO DIA..MAS SABE QUE RESOLVI..VOU ESCREVER COMO COMECEI...DE CORAÇÃO DE GOSTAREM OU NÃO NÃO ME IMPORTO TANTO MAIS ..NÃO QUERO SER RUDE COM NINGUEM MAS SABE DE UMA COISA NEM NA VIDA REAL AQUI DE CARNE E OSSO QUERO MAIS SABER DE AGARDAR QUEM NÃO MERECE MEU AGRADO..SABE...PASSEI A ME IMPRTAR COM QUE ESCREVO E SE ACHAR BOM VOLTE COMO COLOQUEI LA NO COMENTARIO NO DMPM...FAZERA RECEITA DE SE VIVER MELHOR E TODOS GOSTAREM E TAREFA IMPOSSIVEL ACHO ATE PRA DEUS NOSSO SENHOR...IMAGINE PRA NOS SIMPLES SERES HUMANOS CHEIAS DE DEFEITOS DE ARESTAS A APARAR PELA VIDA..SEJA BEM VINDA QUEM GOSTA DA MINHA COZINHA ..SEMPLIS MATUTA DO JEITO QUE SOU..
    QUEM QUIZER ALGO MAIS REQUINTADO DEVE IR PARA OUTRA COZINHA COM UMA COMIDA MAIS FRANCESA DIGAMOS ASSIM SRSRS SRSR BJS DEXA EU CORRE QUE MINHA PANELA TA LA NO FOGO QUEIMANDO E ESSA EU ME PREOCUPO..E O ALIMENTO SAGRADO QUE MINHA FAMILIA VAI COMER AQUI..SERVIDA ALMOÇAR COMIGO..BJS ESTAREI SEMPRE AQUI NA BERIA DA SUA COZINHA ...DELICIANDO COM ESSES QUITUTES DE CORAÇÃO AZEDOS DOCES...AMARGOS DO JEITO QUE FOR AQUI MEU PALADAR SE ADAPTA SEMPRE!!
    ADORO VC

    OTILIA BJ.N.A
    B.N E.

    ResponderExcluir
  18. Regina, amiga!

    Essa do "no frigir dos ovos" é nova para mim!
    Essa e mais algumas expressões aqui usadas.
    E logo eu que pensei que para mim seria CANJA! ou será PIECE OF CAKE?
    Adorei tudo, texto e fotos :))

    Beijão

    ResponderExcluir
  19. Muito legal, achei interessantíssimo o desenho nos ovos, valeu tanto quanto o texto! Rs...

    ResponderExcluir

  20. Gostei muito do texto. E aproveito para agradecer a força e o carinho de sempre lá no meu cantinho. Deus sempre coloca anjos em minha vida e vc é um deles. Obrigada amiga! Bjsss nc rs.....

    ResponderExcluir
  21. Olá, Regina!
    Gosto dos seus textos loucos, e quando nõa, do seu bom-gosto!
    Bjs!
    Rike.

    ResponderExcluir
  22. Rêzininha...

    Sou franco... Juro, não li o texto... Mas sofri aqui a angústia dos pobres ZÔVINHOS... sniff!!
    Na segunda foto... quase me derreto em lagrimas com a cara de desespero tipo "TO PHÚ" de um deles.... sniff

    Foi um chute nos ovos de tão triste essa postagem.... hehehehe no bão sentido, se é que existe bão sentido em chute neles... kkkkk

    Deussssssssssskiajude
    Beijozãozão e discurpi o demoramento pra passar aqui,...... tá

    Tatto... ainda sniff... rss

    ResponderExcluir
  23. Oi Regina, sinto-me tão envergonhada...por ter abandonado meu bloguinho, mas desculpe sinto-me tb, um pouco desmotivada, eu preciso deste tempo, e estou pensando em reformular td o contexto do meu cantinho, tb me descepcionei com alguns fatos ocorridos, mas enfim isto td vai passar, e saiba que em nenhum momento esqueço de meus amigos virtuais, muito obg, por seu carinho fc com Deus , bjss enormes....

    ResponderExcluir

Passou por aqui? Deixa um recado. É tão bom saber se gostou, ou não...o que pensa, o que vc lembra...enfim, sua contribuição!

Ocorreu um erro neste gadget