Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

DANDO UM TRATO NAS BOLAS DIÁRIAS

E REBOLA MESMO!!!


Rebola bola você diz que dá que dá
Você diz que dá na bola, na bola você não dá !
As cantigas de roda fazem parte do meu playlist saudosista. Na ingenuidade infantil nem imaginava como a vida me faria rebolar sem estar na roda.  Mexer as cadeiras é coisa de mulata, negra, branca e índia. Coisa de mulher que não se acomoda. Cria moda. Recria no incômodo da roda da vida. Vida que roda!

20 comentários:

  1. E temos que saber rebolar...Mas conseguimos!!!beijos,lindo fds,chica

    ResponderExcluir
  2. Mexe com as cadeiras mulata, seu requebrado me maltrata...Rsrsrsr
    Amiga mais que querida, se agente não rebola, a vida enrola neh?
    Vamos rebolar, lutar, dançar...Enfim viver da melhor maneira possivel, correndo atrás de nossos sonhos e não deixando eles passarem por simples acomodação ou medo.
    Bjos flor, lindo final de semana pra ti

    ResponderExcluir
  3. Rêzininha da Grória....

    É maiomeno isso meRmo... rss
    "O que arde, cura! .. E o que aperta, segura!.."

    Sigo rebolando...
    Beijo
    Tatto

    ResponderExcluir
  4. Rê Imprevisível Amiga,
    De tanto rebolar, fica com a cabeça atordoada, só pensa na bola e... em mais nada.
    Um xião,
    J

    ResponderExcluir
  5. Rebola a bola
    Voce diz que dá que deu
    Você diz que deu na bola
    Você na bola não deu

    Curioso, há poucos dias
    coloquei isto num post meu

    ResponderExcluir
  6. Ai meu Deus num guento com meu Tatto rsss

    adorei isso o que arde cura, e o que aperta segura rssss.

    Sigamos lindona, rebolando e cantando, conforme a nossa musica.

    beijinhos no seu coração e ótimo fim de semana.

    ResponderExcluir
  7. Eu pensava que o povo brasileiro é que tinha que viver no "rebola- bola".
    Mas, Reginamada, o mundo todo tá nesse "diz que dá" e num dá mesmo!
    É isso aí,as cantigas de rosa abrem nosso coração, né meis?
    Eu sou carioca da gema, carioca da gema do ovo.
    A Rê é mineira de Minas, mineira de Minas Gerais.
    E vamos nóis:
    é 1, é 2, é 3 é já... rebola bola Todo mundo ainda é criança!
    Nunca vão nos tirar a alegria... de remar(ups, essa é outra cantiga)
    ;)))
    Boa Noite,
    Bom findi semana , iluminada!

    ResponderExcluir
  8. E por aqui a gente continuava cantando assim:

    "O trem de ferro quando sai de Pernambuco vai fazendo vuco-vuco até chegar no ceará.
    Rebola pai, rebola mãe, rebola filha eu também sou da família também quero rebolá"...

    Simbora rebolando a vida, meu bem.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  9. As cantigas de roda, recordações de um passado tão distante, … sabe bem recordar !...

    Assim de repente lembro-me :
    Ó Ciranda , Ó cirandinha ;
    Se esta rua fosse minha ;
    Era uma casa muito engraçada ;
    Minha machadinha ;)
    Atirei c’o pau ao gato ;)
    As pombinhas da Catrina ;)

    Beijo, Rê ... e se voltássemos por um dia à nossa infância ?... :))
    .

    ResponderExcluir
  10. Eu fico imaginando você rebolando...
    O charme, o veneno e a ginga mineira, maltratando os corações!
    Você é capaz de coisas surpreendentes!
    Abraços, cronista das alterosas!

    ResponderExcluir
  11. É, criança... e vamos rebolandando pela vida afora, que essa rua não é minha e, se fosse, eu não tinha brilhantes pra ladrilhar...

    ResponderExcluir
  12. Rê, eu estou procurando o açúcar, rebolando, rebolando, mas "tem hora" que não dá para rebolar, tem mesmo que ficar firme, olhar para dentro, olhar em frente e, mesmo que não fique pedra sobre pedra, caminhar. Abreijos Tê

    ResponderExcluir
  13. Que bom foi eu hoje rebolar-me por aqui.

    Beijo e bom final de semana.

    ResponderExcluir
  14. Querida e amada Rê.

    Presteitenção e ouvi de fundo
    uma musiquinha boa para gingar.
    Não era cantiga de roda
    mas me deu uma sodade profunda
    de a voltar a dançar.

    Óptimo fim de semana e um kandando a atravessar tanto mar...

    ResponderExcluir
  15. Olá amiga!!
    Sabe que nunca deixarei de rebolar. Nasci com gingado...kkkk
    Beijos,
    Carla

    ResponderExcluir
  16. Tenho uma ótima notícia!
    ProjetandoPessoas, pela primeira vez no Prêmio TOP BLOG, na lista dos TOP 100 na categoria Variedades! Estou MEGA FELIZ e Emocionada!!!
    Além do orgulho de ter a popularidade dessa votação(através do apoio dos amigos), a honra de obter a análise de um júri acadêmico!!!!
    Ao segundo turno, rumo aos TOP 3!!! Agradeço a todos e especialmente a você que muito me inspira pelo trabalho no seu blog!!!
    http://projetandopessoas.blogspot.com//

    ResponderExcluir
  17. Parece-me que nos últimos 20 anos (tenho 41) não tenho feito outra coisa!

    beijinhos

    ResponderExcluir
  18. Adorei!
    ****

    Procurando uma trabalho freelance??
    acesse meu blog: http://maesqtrabalham.e-familyblog.com/note/41032/querendo-um-trabalho-como-freelance.html

    ResponderExcluir
  19. É, pra viver hojindia tem mesmo é que rebolar! Bom pra saúde e a boa forma! Bjs, Angelinha

    ResponderExcluir

Passou por aqui? Deixa um recado. É tão bom saber se gostou, ou não...o que pensa, o que vc lembra...enfim, sua contribuição!

Ocorreu um erro neste gadget