Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

terça-feira, 30 de agosto de 2011

PESCOÇO PARA TODO (DES)GOSTO!

"Sustentarás o próprio ser e para que possas crescer em inteligência terás um pescoço bem longo e sua cabeça não pesará. Acima disso suportarás a ti e serás flexível para poder entender o mundo em suas variadas formas." Profecia de Modigliani, a que suas figuras longilíneas de extensos pescoços me transmitem.
Minha experiência pessoal com o pescoço começou há dois meses. Acompanhando uma das irmãs, sexi_genária, depois que fez face, pálpebras e pescoço, ao cirurgião plástico ele me disse:
- Você está na idade ideal para fazer...
Não me lembrava de ter dito quantos aninhos tinha. Nem mesmo sinalizado um desejo de me submeter ao seu bisturi. Nem ainda de ter aberto minha boca! E antes de perguntar quantos ele imaginava, emendou:
- Aos cinquenta o custo-benefício é fantástico. Ou você vai esperar perder a elasticidade – residual - em seu pescoço para fazer?!
Oiiii???
Minhas mãos não foram elásticas, o suficiente, para dar um cala-boca nesse fabricante de ilusões e produtor de caraminhola em cabeça alheia. Bem que quis. Mas a reação imediata foi chegar a casa e enfrentar o espelho.  Em uma parte de meu corpo que nunca tinha prestado a mínima das atenções. Sabem quando a gente volta um filme bem rapidinho? Foi assim.
Às vezes saio para almoçar com as meninas – escrevi a frase até aqui e parei. Suponho que quisesse dizer “com minhas amigas”. Não somos mais meninas e deixamos de ser há trinta anos. Muitas há quarenta. Convivo com as sexi com a mesma desenvoltura que com as de trinta ou quarenta. Meu grupo é bem eclético e democrático. Enfim, às vezes saímos para almoçar e corro os olhos pela mesa e vejo que muitas estão usando blusas com golas altas, ou bijus enroladas ou ainda echarpes (no calorão) à La Katherine Hepburn em Num lago dourado. É meio engraçado e meio triste, porque não somos neuróticas com relação ao envelhecimento – nenhuma de nós mente sobre a idade, por exemplo, e nenhuma de nós se veste de maneira imprópria para nossa faixa etária. Parecemos ter a idade que temos. Exceto pelo pescoço. Agora compreendo o que antes acreditava ser o estilo fashion das meninas.
Ah, os pescoços. Há pescoços de galinha. Há pescoços de peruas. Há pescoços de elefantas. Há pescoços quadriculados de rugas e pescoços com dobras e pescoços com sulcos que ameaçam virar dobras. Há pescoços magrelos e pescoços gordos, pescoços enrugados, pescoços fibrosos, pescoços murchos, pescoços flácidos, pescoços sardentos. Há pescoços que é uma espantosa combinação de tudo isto. Há pescoços pra todos os (des) gostos!
Pode-se usar maquiagem no rosto e corretivo sob os olhos e tinta nos cabelos, pode-se injetar colágeno, botox e restileno nas rugas e sulcos, mas, à exceção de uma cirurgia, não há nada que se possa fazer pelo pescoço. O pescoço é um delator infalível. Nosso rosto a mentira e nossos pescoços a verdade. Nua e crua. É preciso cortar uma árvore para descobrir sua idade, mas isto seria desnecessário se ela tivesse pescoço. Foi por conta dele que esse produtor de caraminhola acertou minha idade e afundou minha autoestima numa batalha naval sem a menor graça.
E quando a gente emagrece? Tenho o rosto fino e magro (na maior parte do tempo) e o pescoço também. Então, a luta contra minha exuberância de ser dá suas primeiras vitórias, melhor baixa, em ambos. Como você tá abatida é a frase ouvida. Agora será acrescida de pescoço muxibento? Ah não!
Ó céus... Ó vida...que dilema: se eu operasse o pescoço – enquanto resta elasticidade – teria que operar o rosto também. Se você estica o pescoço, precisa esticar o rosto também. Podem perguntar para qualquer cirurgião plástico. O problema é uma grande bola de neve!
Na minha idade tenho que escolher: me matar para perder uns dez quilos, ficar com a cintura que eu quase quero, pescoço desgraçadamente enrugado e seios pequenos ou embolachar de vez, perder a cintura, ficar com braços de madona italiana, seios mais interessantes e pescoço lisinho… Ó dúvida cruel…
Quer saber? Prefiro apertar os olhos para não ver no espelho o rosto e o pescoço que tenho do que deparar com uma estranha que tem a aparência suspeita de um couro de tamborim.
E agora respondo a esse doutor: estou na idade ideal para ser feliz! Mesmo que para isso tenha que ser elááááástica diariamente. 
(Imagens: Internet)

37 comentários:

  1. Regina minha Linda..adorei o o que li.. mas confesso que corri ver o meu pescocinho..rs ( brincadeirinha..

    Não faço plástica... meu peito ja não é aquele e sabe pq não faço?
    tenho medo de perder o tesão..
    Sério mesmo...
    De que adianta tudo no lugar..aquela coisa toda certinha..aqueles olhos esbugalhados por conta de tanto botox.
    Tudo bem.. a vaidade faz parte da mulher.. Mas com equilibrio.
    E pare ser feliz nem precisa tanto.
    E para ser amada também não ..

    Um beijinho vc é muito linda nas suas escritas..e no seu jeito de ser..

    ResponderExcluir
  2. rsssssssssssssss...ri muito co0ntigo e co0m a imagem do peru... E sabes que muitas fazem plásticas de tudo, até do pescoço e esquecem as MÃOS. E essas falam, e muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito!rsrs

    Mas e daí?
    Vamos mudar se formos todas plastificadas, fugindo até de palitos pra não correr risco? Não! beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Muito bom Re.... é verdade, por mais que se conserte aqui e ali, tem sempre uma parte que nos entega...rsrsrsrs... será que usar protetor solar no pescoso ajuda a mante-los melhores por mais tempo...rsrsrsrs
    Ahh... sempre esqueço de te perguntar, vc tem facebook?!? bjo,

    ResponderExcluir
  4. Rê, minha querida, eu já disse que o pior algoz de uma mulher é ela mesma!
    As mulheres se preocupam com cada detalhe!
    E eu já constatei que não é por causa dos homens, mas por si mesmas!
    O único homem preocupado com esses detalhes da mulher é o cirurgião plástico!
    Pense mais no conjunto que é você, incluindo suas ideias!
    E não vejo porque mulheres da sua idade não possam ser chamadas de "meninas".
    Para mim, as mulheres sempre carregam algumas características de meninas, e às vezes agem como tal!
    Um abraço, menina!

    ResponderExcluir
  5. Ainda bem:
    “preto quando pinta, cento e trinta”

    “Ai como eu tô bandida”!

    Bjs amiga!

    ResponderExcluir
  6. Bem fartei-me de rir!
    Mas concordo coma a "Chica"; muitas vezes vemos "Senhoritas" todas esticadinhas, todas pintadinhas mas ... as mãos... uiuiui.
    Eu ainda acredito que o importante é SER FELIZ e mais nada!

    ResponderExcluir
  7. Há pessoas cometas e há pessoas estrelas.Os cometas passam, apenas são lembrados pela data que retornam e depois desaparecem. ''As estrelas permanecem''.VC É UMA ESTRELA BJ É ESPECIAL !!!

    ResponderExcluir
  8. Amiga quero me desculpar... em vários comentários me referi a vc como Rô... q puxa... São Tantas Ra, Re, Ri, Ro, Ru na internet...rsrs... brincadeirinha!! Mas eu sabia que era vc viu, mas acho que foi digitação despercebida, vou me atentar mais da próxima vez... Qto ao seu email é o do gmail, só encontrei este, vou pegar, ok!! bjo,

    ResponderExcluir
  9. Regina adorei esse texto e durante a leitura pensei até em dar mais atenção ao meu pescoço. Mas no final fico com vc, estou na idade de ser feliz. Glorinha sempre faz papel de ponte, seu texto favorece amizades, contatos. Seja bem vida ao meu blog. Obrigada pela visita. Bjs

    ResponderExcluir
  10. Regina, não renda-se aos feitiços dos "homens".

    Do mais, adorei o texto; abração,

    Rodrigo Davel

    ResponderExcluir
  11. Aá! Do que que ha de?

    Me amarro numa franguinha caipira do pescoço pelado... rss

    Nemnumvô falanada....
    aVaCaGá chêi di pelânca... rss
    Beijo
    Tatto

    ResponderExcluir
  12. "Estamos enterrados em Doutores da mula russa até ao pescoço: usam as mesmas palavras, fazem os mesmos gestos. A poeira entranhada sufoca-nos. é muito bom gostarmos de sermos quem somos.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  13. Assim sendo, eu que já sou baixinha e rechonchuda, vou ter menos tempo de pescoço desmantelado?

    Ave, Rê! O melhor de tudo isso foi te ler mandando às favas todas essas exigências estéticas, feito fosse um crime envelhecer. Ora! Sê feliz, mulher de 51... E com esse jeito bacaninha de ser Rê, hás de ser aos 61, 71 e vida afora.

    Beijo, meu amor!

    ResponderExcluir
  14. Sexagenário(a): Pessoa com larga e profunda experiência em sexo. A das mulheres é geralmente mais larga e a dos homens mais profunda.
    Pescoçudo: Cirurgião plástico.
    Feliz idade: Atributo de pessoas como você.
    Palmas. Applause! Beijo.

    PS: Nessa, você deu nó em pingo d'água...

    ResponderExcluir
  15. Bruxo amaaado!
    Quando minha mamita (madrinha e irmã mais velha)se tornou uma sexagenária, ficou "estabelecido" na família que ela havia se transformado numa "sexi_genária". Mais charmoso e condizente com essas mulheres fantásticas (homens tb, é claro!)certo? Agora, quanto a profundidade ou largura deixo para os(as)sexagenários(as) dizerem com a propriedade que lhes cabe.
    E isso nos permite estar numa feliz idade sempre. Adorei pescoçudo=cirurgião plástico...rsrs
    Beijuuss, meu querido, n.a.

    ResponderExcluir
  16. rrssss... Estou contigo Regina!! Vive a vida e deixa lá o pescoço!! :) Beijo

    ResponderExcluir
  17. Regina!!!prefiro para todo gosto...sabe o meu está com duas camadas...nas fotos sempre tenho que olhar para cima...rsrsrrs mas olhe nem tô...adooooro Modigliani, foi minha primeira pintura em carvão...
    "Quando conhecer sua alma, poderei pintar seus olhos."A. Modigliani
    Bjs

    Zu

    ResponderExcluir
  18. kkkkk
    sabe como eu faço? Não uso óculos quando me olho no espelho, assim estou sempre ótima!
    Devia dar uns tabefes nesse médico, eu por exemplo não daria mas sou louca por um discurso ele certamente me poria pra fora do consultório para não contaminar as clientes!
    bjs
    Jussara

    ResponderExcluir
  19. Sabe o que senti (depois de rir muito enquanto saboreava cada frase)? que vc e os amigos disseram tudo.

    Fica então minha admiração por tantos valores expostos, e de forma tão bem humorada fala daquilo que tb penso, e pouco me importa o que pensem em contrário...minha mãe e irmã já fizeram todas as plásticas reservadas pra família...me sacanearam e fiquei sem opção...rsrsrs

    O que importa no final é o que tem acima e abaixo do pescoço: uma cabeça cheia de bons pensamentos e um coração lotado de bons sentimentos...

    Bjãozão, irmiga_mada!

    ResponderExcluir
  20. Re,
    Só mesmo você, para dizer com tanta graça e orgulho em ser mulher, que se quer feliz, essa coisa altamente irritante da elasticidade mais dos idiotas dos pescoços que teimam em denunciar-nos.
    Bem-haja por sr quem é.
    Bjs
    Te

    ResponderExcluir
  21. Loucura total essa paranoia de plástica, sei lá, as pessoas devem aceitar as marcas do tempo, tudo bem que se sentirem melhor,,,sei lá,,,mas gostei do sexy...genrária....kkkk...beijos de bom dia...

    ResponderExcluir
  22. Já fiz tanta cirurgia por necessidade que, creio, não farei uma só por estética. Sigo feliz, com meus 63, achando que ainda há muita coisa pela frente para me fazer feliz! Fé pouca é bobagem. Bjins, Angelinha

    ResponderExcluir
  23. No Brasil virou mesmo moda de cirurgia plástica para tudo e mais alguma coisa !
    Essa do pescoço é novidade absoluta para mim !
    Quer dizer que mulher girafa está na moda ! eheheheh
    Beijinho, Rê e deixa seu pescoço como está que está muito bem !
    .

    ResponderExcluir
  24. Uma amizade pura e extremamente grande,que eu nem sei como retribuirr
    Porque todos sabem .
    Ou quase todos levo cola por não aguentar escrever por muito tempo.
    Não adianta copiar frase de agradecimento,
    mais escrever e colocar coisas do meu coração.
    Todas as minhas amizades tem uma absoluta
    comprienssão comigo.
    Com cola ou sem cola a retribuição
    do carinho que recebo é imediata.
    Que Deus pague a todos por tudo pois com certeza nunca poderei retribuir
    tanto amor.
    As coisas que você faze, com tanta compreensão e bondade,
    me enchem de gratidão por ter a sua amizade. Obrigada, por se importar comigo.
    Um Tarde Abençoada.
    Bjs ,paz e luz.
    Evanir

    ResponderExcluir
  25. Kkkkk ....
    Hilariante este texto !!!
    Diz ao médico - Homem não quer saber de pescoço não!!! Homem prefere ... Um bom traseiro ;-) e isso uns simples " jeans " já resolvem !!!!

    ResponderExcluir
  26. Amiga
    Que texto pertinente?? Meu statos de sexsagenaria me permite ser original e feliz!! Bj

    ResponderExcluir
  27. Amiga
    Que texto pertinente?? Meu statos de sexsagenaria me permite ser original e feliz!! Bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Ju...escrito há cinco anos e super atual rsrs né?! Sim, vc é das amigas Sexi chiquerrimas! "Mirem-se no exemplo daquelas mulheres!" E te (ad) miro! Bj

      Excluir
    2. Pois é Ju...escrito há cinco anos e super atual rsrs né?! Sim, vc é das amigas Sexi chiquerrimas! "Mirem-se no exemplo daquelas mulheres!" E te (ad) miro! Bj

      Excluir
  28. Amiga que texto pertinente...eu representante das sex sagenarias sigo enfrente com mimhas marcas e feliz!!! Vamos juntas....

    ResponderExcluir
  29. Regina, lindo, atual e bem humorado texto! Parabéns, e viva o bom humor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que honra recebê-la por aqui Graça. Adorei! Com bom humor e alegria tudo fica mais leve. Eu acho. Beijao

      Excluir
    2. Que honra recebê-la por aqui Graça. Adorei! Com bom humor e alegria tudo fica mais leve. Eu acho. Beijao

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir

Passou por aqui? Deixa um recado. É tão bom saber se gostou, ou não...o que pensa, o que vc lembra...enfim, sua contribuição!

Ocorreu um erro neste gadget