Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

SE NÃO TEM REMÉDIO...REMEDIADO ESTÁ(?)

Gostaria que fosse uma piada. Mas, infelizmente, ainda é uma... de péssimo gosto. Muito já mudou. É fato. Muito mais ainda precisa mudar...Enquanto isso rezemos e agradeçamos pela saúde nossa de cada dia. E rezemos pela doença que é nosso SUS! Enquanto batemos joelhos, eles - os hómi que se dizem da saúde - batem nossos bolsos...
- Bom dia, é da recepção? Eu gostaria de falar com alguém que me desse informações sobre um paciente. Queria saber se certa pessoa está melhor ou piorou...
- Qual e o nome do paciente?
- Chama-se Celso e está no quarto 302.
- Um momentinho, vou transferir a ligação para o setor de enfermagem...
- Bom dia, sou a enfermeira Lourdes...
O que deseja?
- Gostaria de saber as condições clínicas do paciente Celso do quarto 302, por favor!
- Um minuto, vou localizar o médico de plantão.
- Aqui é o Dr. Carlos plantonista. Em que posso ajudar?
- Olá, doutor. Precisaria que alguém me informasse sobre a saúde do Celso que está internado há três semanas no quarto 302.
- Ok, meu senhor, vou consultar o prontuário do paciente... Um instante só! Hummm! Aqui está: ele se alimentou bem hoje, a pressão arterial e pulso estão estáveis, responde bem à medicação prescrita e vai ser retirado do monitor cardíaco até amanhã. Continuando bem, o médico responsável assinará alta em três dias.
- Ahhhh, Graças a Deus! São notícias maravilhosas! Que alegria!
- Pelo seu entusiasmo, deve ser alguém muito próximo, certamente da família!?
- Não, sou o próprio Celso telefonando aqui do 302! É que todo mundo entra e sai desta merda deste quarto e ninguém me diz porra nenhuma. Eu só queria saber como estou.....
(Fonte e Imagem: Internet)

20 comentários:

  1. Iiiiiha! Cheguei primeiro de novo. Já conhecia o texto e concordo com você: a saúde no Brasil tá doente, tadinha... Outro dia eu conversava com o neurologista do Eric e ele disse uma coisa muito impressionante: que os planos de saúde viraram o SUS da classe média. Temos que concordar, né? Anda tudo desandado... E a gente rezando pra não ficar doente! Beijinhos, Angelinha

    ResponderExcluir
  2. Jajajaja...

    también en tu país?
    Pensaba que era solo en el mío... jajajaja

    Gracias amiga.

    Te dejo saludos argentinos,

    Sergio.

    ResponderExcluir
  3. kKKKKKKKKSeria comigo se não fosse trágico. tenho visto cada coisa nessa saúde...aplicações de vaselina na veia das pessoas...erros grosseiros que não podem ser considerados normais...quando se trata de vida...temos que verificar muito tudo que a gente tem que fazer...eu lido com cães e você não imagina a responsa que tenho aqui...imagina hospitais e com esses cursos de enfermagem ...então que se tem hoje...aqui mesmo tem um curso de 5 meses que pronto já todo mundo com emprego...mas sabe RE pra que políticos se preocupar com saúde ..se eles nunca foram num SUDS ...pra serem atendidos...pra que???Quando assisto reportagens na TV,... fico indignada por que sei que nada vai mudar..tenho 47 anos e sempre vi isso acontecer;...pra sorte do mundo ...e nossa TEM PROJETOS COMO O IBS..DO WOLBER ....QUE AJUDA AS PESSOAS CARENTES...senão....beijos RE

    OTILIA

    ResponderExcluir
  4. Aí como em todo o lado ! :))
    Este é um paciente "prático" ! rsrsrs
    Beijão, Rê ! :)

    ResponderExcluir
  5. Rê amada


    não pense que planos desaúde divergem daí não...

    quanto mais atenderem mais ganham....o paciente???

    ora..dane-se


    beijocas


    Loisane

    ResponderExcluir
  6. kkkkkkkkkkk Tristeza de país esse, bem capaz mesmo...beijos,

    ResponderExcluir
  7. Olá, Regina!
    Trocou o horário da postagem hoje, né? Mas vim mesmo assim!kkk
    A imagem do post ficou perfeito, parece até um posto que tem aqui perto!kkkkk
    Bjs!
    Rike.

    ResponderExcluir
  8. É Re
    tudo isso é muito triste.
    Mas nos convênios e nos particulares não muda muito.
    Acabo de chegar de uma cliente e ela me contou que está com as pernas inchadas e que o médico disse que os exames acusavam a necessidade de tirar a safena.
    Daí ela foi falar com quem realizou os exames e pediu para que lhe orientasse mais algum médico para uma segunda opinião.
    O médico qdo viu os exames disse que não, não era preciso uma intervenção. E contou para ela que o mundo médico está podre.
    Que na última convenção da especialidade dele, o que se tinha em pauta era como ganhar mais dinheiro com as cirurgias. Ele mesmo estava indignado.
    Então minha querida, o que fazer?
    É como diz a nossa querida Angela, rezar pra não ficar doente.
    Beijinhos saudáveis

    ResponderExcluir
  9. rssssssss...só rindo mesmo dassa falta de tudo , inclusive vergonha... beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  10. Pra não perder o clima:

    Jesus Cristo volta à Terra de decide vir vestido de médico. Procurou um lugar que precisava de milagres e avistou em São Paulo um posto de saúde e observou um médico trabalhando há muitas horas, cansado e com fome.
    Jesus então entrou no Posto de jaleco branco, passando pela enorme fila de pacientes no corredor, até chegar ao consultório médico. Os pacientes viram-no e comentaram:
    -Olha aí, vai trocar o plantão!
    Jesus entrou na sala e falou ao médico que podia ir, pois ele ia tocar o consultório dali em diante. Sentou-se e todo resoluto, gritou:
    -O PRÓXIMOOO!!!!
    Entrou no consultório um homem paraplégico, com sua cadeira de rodas.
    Jesus olhou bem para ele e, com a palma da mão estendida sobre sua cabeça, disse-lhe:
    -LEVANTA-TE E ANDA!
    O homem levantou-se, andou e saiu do consultório empurrando a cadeira de rodas.
    Quando chegou ao corredor, o próximo da fila perguntou-lhe:
    _ E aí, como é esse Doutor novo?
    Ele respondeu-lhe:
    -Igualzinho aos outros, nem examina a gente!!!!

    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Ai, ai os atendimentos de saúde!
    São todos iguais, infelizmente.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  12. Rêzininha..
    Qdo eu era Macaquinho novo lá em barbacena... já gostava de brincar de médico cas minhas primatinhas... sácumé né? .. rss

    O atendimento éra di "prima" tipo number one ou the first best off... E só sabo dizer que graças a saúde de animar que tenho nem num tô precisado muito de ser medicado... Mas devido a tár da D.N.A. ando notando que ainda vou ter que tomar no S.U.S..!!! rsrsrsrs

    Bão mai essa é uma outraaaaaaa estória ( P.S.- Ando escrivinhando a palavra estória que a MilenA dizeu pra EU que é chic pra carái ),, rss

    Deussssssssskiajude NóisTudo
    Beijos incisívos e atadurados
    Tatto

    ResponderExcluir
  13. Adoro esse seu bom humor, essa sua maneira
    de explicar sempre sorrindo...

    BeiJO querida minha...

    ResponderExcluir
  14. Realmente a saúde vai de mal a pior, aqui em Brasília está um caos também, foi considerada umas das piores do país, como se fosse possível piorar algo que em praticamente todo o país está ruim, mas a piada no final do post foi ótima com certeza.

    ResponderExcluir
  15. Rê, amada...triste verdade o descaso, lamentável e indigno tratamento que vemos por aí...sei bem do fundo da tua mensagem, minha linda...

    Ó, vim te contar que postei lá o selinho...aliás, falando nisso...passa
    aqui também!

    Um beijo carinhoso procê, irmiga!!

    ResponderExcluir
  16. E o Celso ainda teve sorte, viu? Pelo menos por telefone ainda teve quem o atendesse... A real é que esse descaso absurdo parece nunca cessar. Cria-se um enredo de que tudo está bem, as estatísticas sempre favoráveis e o povo se lascando, só pra variar.

    Beijos de uma minina-indignada.

    ResponderExcluir
  17. Uma anedota com um sabor real.
    Afinal nem tudo vai como desejamos, mas haja saúde e que nem precisemos dos hospitais.

    ResponderExcluir
  18. Genial, apesar de triste!
    Na realidade, a única licença romântica da história é o Celso ter conseguido finalmente falar com o seu médico!
    Na vida real, a ligação cai (ou é desligada)antes...
    Mas, não se preocupe, logo vão ressuscitar a CPMF, para endireitar a saúde!
    Você lembra que maravilha de tratamento VIP tinha nos hospitais públicos quando estavam nos assaltando a cada instante com a tal CPMF?
    Valeu, Rê!

    ResponderExcluir
  19. - O que hoje não tem remédio poderá tê-lo amanhã - exceto a "saúde" pública, que precisa de um tratamento a longo prazo.
    - E pre não ficar doente de indignção... preferi rir da piada. Rir ainda é um bom remédio.
    - Obrigado pela amostra grátis, doutora... um abração!

    ResponderExcluir

  20. Só rindo para não chorar mesmo. Tanta gente morre por falta de tratamento, atendimento, uma vergonha. Que Deus tenha misericórdia daqueles que precisam passar por isso. Boa quarta, iluminada e cheia de paz para vc! Bjsssssssss

    ResponderExcluir

Passou por aqui? Deixa um recado. É tão bom saber se gostou, ou não...o que pensa, o que vc lembra...enfim, sua contribuição!

Ocorreu um erro neste gadget