Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

SONHUSFUGIT

"Sentia que o relógio chamava para o seu tempo, que era o tempo de todos aqueles fantasmas, o tempo da vida que passou… Tenho saudades dele. Por sua tranqüila honestidade, repetindo sempre, incansável, "tempus fugit". Ainda comprarei um outro que diga a mesma coisa. Relógio que não se pareça com este meu, no meu pulso, que marca a hora sem dizer nada, que não tem histórias para contar. Meu relógio só me diz uma coisa: o quanto eu devo correr para não me atrasar…
Mas o relógio não desiste. Continuará a nos chamar à sabedoria: "tempus fugit…"
Quem sabe que o tempo está fugindo descobre, subitamente, a beleza única do momento que nunca mais será…"(Rubem Alves)

Acordo atravessada por mim mesma. Seria fácil se houvesse atravessadores a culpabilizar esse osso entalado na garganta. Não engulo nem vomito e essa paralisia me irrita.  Estou comandada pela inquietude e confusão: minha liberdade de ir e vir parece estar comprometida. A precipitação ou a agressão não farão que as coisas andem mais rápido.  O meu tempo se esvai.  Mas essa finitude inexorável também me leva a refletir sobre a vida que resta. Obedecendo sempre à lógica do escoamento. Da ampulheta. Vamos morrer, mas ainda há vida por viver.
Cabe viver o tempo que resta da melhor maneira possível. Fôssemos eternos seria diferente. Mas, como não somos...
Na hora de cogitar sobre como gastar o tempo que resta, damo-nos conta de nossa pouca autonomia. Ouço nesse interdito alguns significantes: mudança, potencial diferente, concentração, liberdade, organização, tranqüilidade e MODERAÇÃO. De tantos, o que ecoa é... Moderação. Para que nada possa bloquear ou obscurecer minha visão. Em terra de cego que tem um olho é rei! Sou súdita - cega - nesse reinado de sonho. Esse trecho de uma jornada maravilhosa - VIDA - não parece o mais suave ou agradável dos caminhos nesse momento. Mas de qualquer modo é nele que estou. Tento manter os olhos fixos na estrada. Atenção deveria ter. E acima de tudo, manter os meus desejos e metas guardados em segurança no meu coração. Não sei ser cofre quando Sed fugit interea fugit irreparabile tempus :"Mas ele foge: irreversivelmente o tempo foge". E o meu sonho...(RR)

24 comentários:

  1. O danado do tempo foge e eu costumo me acelerar muito quando me dou conta disso.
    Aprendi então a deixá-lo passar...rsrs e fdico na minha...melhora!rsrs beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Apesar de o tempo ser uma ilusão, como ele tem um peso em nossas vidas... Melhor não nos determos muito com ele: não temos controle sobre coisa alguma, somo caminhantes em direção a algo maior... Eu estou aqui, como sempre. Beijos, Angelinha

    ResponderExcluir
  3. Todas as noites me deito e penso""e la se vai mais um dia " todas as noites o tempo correu e estamos mais perto dos nossos medos..das nossas perdas das nossas vitorias né?engraçado pensar que agorinha estou aqui escrevendo a voce e daqui a 5 minutos e não possa mais existir?...sempre teimei em dizer que o tempo é injusto e o modo da gente passar as coisas tambem,..poderiamos ser avisados de quando nosso tempo esta se esgotando talves para que a gente pudesse se dar o direito de fazer coisas que com o passar do tempo não fizemos..me assusto com o relogio ele esta cada dia mais rapido...e nosso coração e cerebro continuam na mesma velocidade não é?não uso relogio ..de pulso..odeio hora marcada...gosto de fazer meu dia assim...a cada minuto as vezes nem sabendo que hora são srsr srsrs..e quanto a viver a vida...a cada momento ..esta cada dia mais dificil a todo momento tem coisas ruins acontecendo e a cada hora uma boa..?ou dia??
    infelismente o tempo não para E PIOR O TEMPO NÃO VOLTA,....e ahhhh como eu queria que o tempo voltasse..ahhhh seria bom demais....

    beijos querida

    anja

    otilia

    ResponderExcluir
  4. Estar comandada pela inquietação pode ser a salvação, amada minha...e ter desfeita a confusão.
    Na inquietude revolucionária que nossa mente nos prende, pode querer apenas, e somente isso, nos sinalizar o caminho - evidenciar o ainda invisível...

    De toda forma, teu osso entalado proporciona um instante de STOP...acena para a urgência em darmos atenção ao que desviamos do foco...obrigada por essa partilha inspirada e inspiradora, irmigamada!
    Bjãozão e um dia perfeito ainda por viver!!

    ResponderExcluir
  5. "Tempo bom
    Não volta mais
    Saudades do tempo de paz (Lilico - Humorista).

    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. "Vai passar, tu sabes que vai passar. Talvez não amanhã, mas dentro de uma semana, um mês ou dois, quem sabe? O verão está aí, haverá sol quase todos os dias, e sempre resta essa coisa chamada 'impulso vital'. Pois esse impulso às vezes cruel, porque não permite que nenhuma dor insista por muito tempo, te empurrará quem sabe para o sol, para o mar, para uma nova estrada qualquer e, de repente, no meio de uma frase ou de um movimento te surpreenderás pensando algo assim como "estou contente outra vez". Ou simplesmente "continuo", porque já não temos mais idade para, dramaticamente, usarmos palavras grandiloqüentes como "sempre" ou "nunca". Ninguém sabe como, mas aos poucos fomos aprendendo sobre a continuidade da vida, das pessoas e das coisas."


    Caio Fernando Abreu!

    Bjs minha querida.

    ResponderExcluir
  7. Olá, Regina!
    Só quando nosso tempo está acabando, nos damos conta de quanto o desperdiçamos, e o quanto ele era valioso!
    Bjs!
    Rike.

    ResponderExcluir
  8. Meu Deus, como palavreia lindamente essa mulher!Por essa e por tantas que sou sua fã, admiradora extremada desse ser humano incrível que é.
    Citei essa frase num comentário ontem e repito aqui o que disse Renato Russo: "os sonhos vão, os sonhos vem, o resto é imperfeito"...

    E o tempo, ah, "tempo, tempo mano velho, falta um tanto ainda eu sei, pra vc correr macio"...

    Eu, aqui, na torcida, sempre.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Nossos relógios, querida amiga, parecem bater as horas no mesmo compasso: a da espera. Mas, o tempo urge e ruge! beijos,

    ResponderExcluir
  10. Regina, seu texto desperta ideias angustiantes!
    A cada fração de segundo, estamos num lugar diferente, no tempo e no espaço!
    A angústia me vem da consciência de que, limitado a essas quatro dimensões, jamais poderei voltar até aqueles momentos preciosos, que ficaram e ficarão para sempre congelados em inalcançáveis clausuras criadas a cada fração do tempo que se passa...
    Time goes by...

    ResponderExcluir
  11. As vezes também fico agoniado com o tempo, algumas vezes ele demora a passar outras ele passa rápido demais.

    ResponderExcluir
  12. o tempo voa mesmo!! Há portanto que agarrar o presente, não deixar fugir o que temos de bom e gozá-lo o mais que se puder!!carpe diem!!

    ResponderExcluir
  13. por isso que eu vivo INTENSAMENTE cada segundo, porque sei que o tempo vai embora e não volta.
    Beijosssssssssss

    ResponderExcluir
  14. Os dias talvez sejam iguais para um relógio, mas para nós não...

    Beijo.

    ResponderExcluir

  15. O tempo...nos escapa pelas mãos. Temos tanto por viver não é? Há tempo para tudo inclusive para refletirmos sobre o que estamos fazendo com nosso tempo. Tudo de bom e fique com Deus! Bjssssssss

    ResponderExcluir
  16. Rêzina da Grória...
    Vô poetizá procê..
    " - O tempo priguntô pro tempo, quanto tempo o tempo tinha..... Mas o tempo naum teve tempo de respondê pro tempo quanto tempo o tempo tem....!!"

    Ainda há tempo!!!
    Deussssssssskiajude
    fapt sem o menor indício malicioso... kkkk
    Tatto

    ResponderExcluir
  17. És um senhor tão bonito quanto a cara do meu filho, tempo, tempo, tempo...Vou te fazer um pedido...Tempo tempo tempo tempo...Compositor de destinos...

    O SÁBIO SALOMÃO JÁ DIZIA -SOBRE TODAS AS COISAS QUE SE DEVE GUARDAR, GUARDE TEU CORAÇÃO...PROVÉRBIOS [ Não se afobe não ]

    Bjs
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Regina,

    Somos eternos!! Esta é uma grande verdade que esquecemos.

    Somos seres espirituais vivendo uma experiência material e não seres materiais vivendo uma experiência espiritual.

    A angústia de viver e a sensação do tempo escorrendo são devidos ao nosso apego a nossa personalidade transitória e ao nosso ego.

    Deus age, diariamente em nossas vidas, por meio de nossas interações. Precisamos manter nossa mente tranquila para poder senti-lo e então o tempo não será mais um obstáculo.

    Na verdade, o tempo é uma medida relacionada ao espaço. No mundo Divino, além do Universo manifestado, onde Deus habita, o tempo e o espaço não existem.

    Existe somente o eterno presente, aquilo que sempre é, que não teve nem princípio, nem meio, nem fim. O Criador Incriado.

    ResponderExcluir
  19. Olá Regina!
    É verdade, queria também ter um relogio que me desse as coisas do passado porque o presente já está muito degredado! É lamentável mas é a realidade.

    Um beijão

    ResponderExcluir
  20. Regina

    Dizem que devemos viver um dia de cada vez, mas mesmo assim, parece que algo ficou sem ser vivido.
    Estamos, cada um em sua jornada, tentando manter num caminho que nem sempre sabemos ser o certo.
    O melhor é deixar passar e num novo dia acordar. Quem sabe uma noite de sono amenize esse medo e então nossos sonhos resgatados nos darão força pra continuar vivendo, mesmo sem saber quanto tempo ainda temos.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  21. Regina.

    se existe algo que não podemos fazer é parar o tempo, adiantar ou atrasar, voltar os ponteiros do relógio deste senhor é impossivel, por mais que nos angustie esperar ou vê-lo passar e nada fazer. E algumas vezes ao viver o momento achamos estar no tempo errado ou ainda insuficiente, nada se pode fazer quando ele passa e muito menos se por alguma razão achamos que perdemos. Viver o tempo sem questionar se ele passa rápido ou lento demais talvez seja a solução, viverrrrr e não olhar para o tempo passado, apenas esperar o tempo futuro...

    beijo e o blog continua lá.

    Renata

    ResponderExcluir
  22. Regina, lindos textos, mesmo sendo divagações, sabes o tempo passa muito depressa, nós nesta terra não somos eternas, apenas a nossa Espírito é eterno nunca morre vive sempre para Deus.
    Beijos
    Santa Cruz

    ResponderExcluir
  23. Rê, minha amiga cujo mineirês me encanta. Tá melhor? Precisa de um ombro amigo que tb anda precisando de um chamego? Se quiser, tô lá no meu canto, passarinhando pra não enlouquecer...Beijos,

    ResponderExcluir
  24. "Cabe viver o tempo que resta da melhor maneira possível. Fôssemos eternos seria diferente.
    Mas, como não somos"...

    A vida não tem respostas.

    beijo no Zóio.

    ResponderExcluir

Passou por aqui? Deixa um recado. É tão bom saber se gostou, ou não...o que pensa, o que vc lembra...enfim, sua contribuição!

Ocorreu um erro neste gadget