Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

terça-feira, 23 de novembro de 2010

BLOGUEIRA EDUCADA

"Os progressos obtidos por meio do ensino são lentos; já os obtidos por meio de exemplos são mais imediatos e eficazes".(Sêneca)
Não, realmente educar não é nada fácil. Quantas e quantas vezes nos perguntamos se estamos fazendo certo?  Inúmeras vezes fui questionada - lágrimas escorrendo pelas faces - com o "Doutora", onde foi que erramos?  Ser pai, filho, professor, aluno e até blogueiro é tarefa difícil. Educação engloba tanto o processo de ensinar quanto de aprender. Paulo Freire já dizia do alto de sua pedagogia: Ninguém educa ninguém, ninguém educa a si mesmo, os homens se educam entre si, mediatizados pelo mundo.”
Foi também lá no blog da Xará que balança no meu coração,  que tinha mais essa campanha iniciada pela Flávia do blog Compartilhando ideias com uma mulher de 30 e poucos... A moça teve um trabalhão reunindo as opiniões de seus leitores a partir de uma pergunta que fez: "Qual seria a melhor forma de deixar um comentário ou retribuir uma visita?"
Fui remetida, de imediato, aos tempos que iniciei o blog e à minha categoria de uma BIOS ( sempre em evolução). Àquela época, fui alertada pela minha revisora de textos: 
- Regina você sabe o que é um blog?
- Um diário virtual! Respondi do alto de minha suposta sapiência...rsrs
- Você escreveu, teve algum diário na sua infância, adolescência?
- Claro! Muitos e sem cadeados (na época eram cadernos mesmo!) me obrigando a percorrer os cantinhos mais impossíveis, da casa de minha mãe, para escondê-los das leituras indesejadas de cinco irmãs mais velhas!!!
- Ah! Então você não enviava seus amores, angústias, questionamentos , crises existenciais para ninguém ler e corrigir... Um blog é a mesma coisa, com a pequena grande diferença que irão ler! É público. Não é uma conferência que vai dar, um trabalho ou artigo que vai publicar.
- Ahhhhh! Então posso ir só escrevendo, sem me preocupar com as concordâncias, pontuações, novas regras desse “maledito” acordo ortográfico e nem mesmo com os patrulheiros plantonistas da língua portuguesa? E a bibliografia? Nada precisa seguir a ABNT?
- Só escreve, como você já faz.  Respondeu ela caindo na risada. 
E assim fiz e ainda faço. Só que com o passar do tempo fui descobrindo que a blogosfera - existente muito antes do meu BIOS nascimento - tem regras sim!
Algumas não concordo, outras questiono, mas uma sou absolutamente a favor: EDUCAÇÃO! Educação é ser elegante no nosso fazer e estar no mundo. E que nada tem haver com moda e modismos. Não conseguimos comprar nem numa Daslu nem numa DASPU. Não tem etiqueta, marca para ser ostentada. Mas, com certeza, há muitas falsificações made in qualquer lugar do mundo! Não a obtemos numa graduação para ser dependurada e ostentada numa parede seja lá onde for. Aliás, não há molduras para se conter o que deveria ser incontido e natural. Modelito básico e bem clean!
Se pensarmos que nós blogueiros (grupo constitutivo) pertencemos a uma blogosfera (sociedade virtual) a educação é, ou deveria ser, um fenômeno observado e responsável pela sua manutenção e perpetuação a partir da transposição, às gerações que se seguem, dos modos virtuais de ser, estar e agir necessários à convivência e ao ajustamento de um membro nessa “sociedade blogal”.
“Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina.” (Cora Coralina)
 Então, sem saber dos tais bons modos, sem ler nenhum manual de instruções ou ter feito um curso tipo SOCILA para blogueira, imagino já ter cometido inúmeras gafes! Peço já minhas sinceras e reais desculpas!
Mas algumas coisas posso assegurar que minha educação continuada não me permitiram fazer:
- Nunca peguei emprestado (é mais educado, elegante esse termo, do que roubar) nada de blogues alheios sem avisar e dar os devidos créditos;
- Nunca fiz propaganda;
- Nunca fiz “escada” do blog alheio;
- Nunca fui à cata de leitores, seguidores (acho um horror, quando leio um comentário de um novo seguidor aqui e quando vou lá agradecer a visita, já vejo aquelas carinhas carimbadas e tarimbadas daqui, lá... como seus mais recentes seguidores! E sem tecer nenhum comentário... Quanta coincidência!!!)
- Não tenho absolutamente nada contra o blogues comerciais ou que se utilizam dele para venderem o que fazem. Tenho é admiração! O Divã não o é, por enquanto... Quem sabe um dia? Não foi e não é essa minha intenção.
- Se chego a um novo blog que não para agradecer a visita, informo de onde vim, o que li e porque estou ali;
- Se leio algo em algum blog que me inspirou a escrever, citar o mesmo escritor, tenho a elegância de dizê-lo;
- Leio, leio e muitas vezes releio as postagens que gosto, sejam curtas ou longas, e deixo meu comentário quando sinto que tenho algo a dizer para quem escreveu (por mais simplista que seja);
- Já retirei, infelizmente, meu email do perfil, por receber, além de avisos constantes de novas postagens dos blogues aos quais me fiz seguidora, uma avalanche de perguntas e “propostas” nada educadas;
- Tenho, fiz e farei AMIGOS, amados meus, aqui nesse espaço e por isso digo: OBRIAGADA!
- Sou assim mesmo: afetiva, amorosa, intensa, brincalhona, bem humorada e séria no que faço... O que não dá o direito (a determinadas pessoas) de “confundirem” com falta de respeito e educação.  
“A alegria não chega apenas no encontro do achado, mas faz parte do processo da busca. E ensinar e aprender não pode dar-se fora da procura, fora da boniteza e da alegria”.(Paulo Freire)
Sempre escrevi e escreverei com aquilo que tenho e carrego dentro de mim, meu bem mais precioso: minha essência! Gosto como todos, imagino eu, de receber um feedback do que postei e recebo com amor cada comentário quando aqui deixado!
E sem mais delongas termino, abaixo, utilizando-me de palavras alheias que resume o meu Educação é mais que bom... É elegância, e quem não gosta?  (RR)
“A educação é a arma mais poderosa que você pode usar para mudar o mundo”. (Nelson Mandela)

22 comentários:

  1. Olá, Regina!
    Olha, o que tem de gente mal educada na blogosfera, não tá no gibi! Não tem jeito, as pessoas são o que são até no mundi digital, não há como evitar!
    Bjs!
    Rike.

    ResponderExcluir
  2. Regina, vc sempre magnífica. Surpreeende-nos com sua palavras. Amei!!!!!!!!!!!!! Bjs Saudades!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1

    ResponderExcluir
  3. TÔ DENTRO desta tb, levando selinho e tudo! (pode, né???...rsrs)

    Brilhante a iniciativa da Flavia, e genial vc compartilhar - acho fundamental trazermos até nossos blogues campanhas/ações/assuntos que agreguem conhecimento/aprendizados/ensinamentos/diversão...tudo que seja positivo. Mais uma vez vc age em benefício de muitos, além de expressar tuas considerações pessoais. Isso não tem preço. Pára nauuuummmmm, viu??

    Bjos, amigamada - e aplausos tb!!!...rs

    ResponderExcluir
  4. Regina querida!

    Você tem toda razão.
    No início não sabemos realmente o que é um blog. Aliás, o que ele pode nos proporcionar.
    Com o tempo vamos "entendendo" melhor como as coisas funcionam e somos cativadas por tantas amizades que conquistamos.
    Eu adorei as frases que vc selecionou para enriquecer a postagem. Ficou maravilhosa. Parabéns!!!!
    E muito OBRIGADA por aderir à nossa campanha!
    Um beijo!

    ps.: obrigada pela gentileza de me avisar sobre esta postagem!

    ResponderExcluir
  5. Regina!!
    Obrigada pelas tuas palavras!
    Intensas, importantes...
    E já que sempre estamos em busca da celebração da vida, por que não celebrar este momento de aprendizado também???
    Muitos vivas a este post!!
    Beijo no seu coração,
    Sa

    ResponderExcluir
  6. Devemos ser todos bem educados em todos os lugares,,,,aqui tambem, essa nossa blogosfera é tão boa...beijos de bom dia pra ti.

    ResponderExcluir
  7. - Há quem confunda educação social com educação acadêmica. A última é importante para o progresso da sociedade, a primeira é fundamental para o seu bem-estar. Um "post" ou comentário educado e criativo não perde seu valor por erros do vernáculo, mas um texto mal-educado é sempre uma agressão a quem o lê - ainda que seja escrito dentro das mais rígidas normas literárias.
    - Tôdentro, Rê. E naum abro.

    ResponderExcluir
  8. UM beijo enorme para você. Não sei se é um beijo educado, porém, é carinhoso.

    ResponderExcluir
  9. Regina,
    Concordo contigo... Tem muitas coisas chatas, e agente acaba se sentindo mal. Tem uns que querem seguidores, outros postam comentários só pra te levar até eles, enfim, de um tudo, mas entre esse tudo, encontramos pessoas incriveis como você. E é a isso que agradeço.
    Um beijo, minha querida!

    ResponderExcluir
  10. AI QUERIDA MUNDO É MUNDO TERRA É TERRA ATE VIRTUAL..E ATRAS DESSE VIRTUAL TEM UMA PECINHA NADA PERFEITA NOS NOS MESMA QUE TECLAMOS..TENHO UMA AMIGA QUE DIZ..otilia o problema do seu pc esta na pecinha que esta na frente dele sentada na cadeira"QUANDO NÃO ACHO UM DEFEITO QUE ESTA ME FAZENDO FICAR BRAVA RSRSRS .MAS É ASSIM GENTE SEM EDUCAÇÃO É E SERA MAL EDUCADA NO BANCO EM CASA..NO VELORIO NAS FESTAS NO CARNAVAL..NINGUEM CONSEGUE SER EDUCADO AQUI E MAL EDUCADO ALI..ELE É SIMPLISMENTE É..E EU TENHO AJ EM POUCO TEMPO VISTO ISSO ..UMA MOÇA ESSES DIAS ME DEIXOU UM RECADO NO MEU BLOG QUE NÃO TINHA NADA NADA HAVER COM O ASSUNTO DAI EU REPONSDI COMO PATROPY LEMBRA NADA NADA NADA HAVER COM A RESPOSTA ..ELA TIROU O COMENTARIO EU TAMBEM TIEREI O MEU ..SO PRA ELA VER QUE EU NÃO ESTOU AQUI PRA TER SEGUIDORES NÃO SOU TIM TONES DO CHICO CITY SOU APENAS ALGUEM QUE QUER DE ALGUMA MANEIRA FALAR DO QUE SINTO..SENTIMENTOS TUDO QUE ESCREVO É VERDADEIRO E NOS COMENTÁRIOS TAMBEM ..TAMBEM NÃO FICO ME CORRIGINDO PORTUGUES NÃO QUEM QUIZER VAI LA NO GOGGLE E CORRIGE ...SABE EU ENTREI AQUI PRA SER FEIZ E RELAXAR NÃO QUERO QUE SE TORNE CHATO CANSATIVO E EXERCITO SENÃO EU EXCLUO TUDO E VOU SEGUIR TWITER ..ORKUT ..E ESSAS BOBAGENS MAIS...

    BJS QUERIDA ADORO SEU BLOG E NÃO TEM NADA QUE MUDAR NELE NADA..E ENTENDO TUDINHO CADA CADIQUINHO QUE OCE ESCREVE UAIIII

    OTILIA

    ResponderExcluir
  11. Olá, RÊ!

    Gostei de ler todas estas considerações a propósito deste novo ser, de vida ainda relativamente curta, que é o blog; um pequeno mundo extremamente rico e variado, e a que tanta gente dá forma.
    Aprende-se com o tempo, que também tem um conjunto de regras não escritas, que gradualmente vamos interiorizando e seguindo, como condição para que o blogue possa ter vida ...
    Nem tudo será agradável, é verdade, mas temos sempre a opção de "seleccionar" quem e o que gostamos nele, e tem, sobretudo,gente com um enorme talento e capacidade criativa que é um prazer ler, e com eles aprender: No fundo, há cá um pouco de tudo - depende de nós escolher.

    Beijinhos amigos; boa semana.
    Vitor

    ResponderExcluir
  12. Querida amiga, acho que posso me considerar uma pessoa de sorte, mesmo estando há pouco tempo na blogosfera, nunca tive nenhum problema com pessoas mal educadas, espero continuar assim. Beijocas

    ResponderExcluir
  13. Fiquei agora cismada em saber se estou sendo educadinha ou não... Será? Quem poderá me defender? Aonde está o Chapolim Colorado???

    Peço aos meus amigos que me puxem as orelhinhas, sem arrancá-las, obviamente, caso me vejam fazendo asneiras.

    Levo isso aqui tão na brincadeira que certas coisas me passam desapercebido, confesso.

    Valeu o alerta.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Acredito que ser educado é ser gentilmente "nós mesmo"... Creio que, cada um tem uma proposta ao entrar e compartilhar algo aqui. Confesso, sou um pouco má educada, "blogamente"falando...rs, nem sempre tenho um comentário a tecer em relação a algo,e também, não me importo se as pessoas também não os têm aos lerem meus post,mas me rendo a grandeza de muitos post tanto aqui como acolá...às vezes to fora, às vezes to dentro.

    Bela abordagem!!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  15. Rê Amiga,
    Estas considerações são pertinetes e úteis para blogueiros incipientes "que nem eu". Estamos sempre a aprender.
    A educação deve ser uma responsabilidade partilhada. Devemos ser conservadores dos bons costumes.
    Um xião cá da porta do Atlântico.
    Jorge

    ResponderExcluir
  16. Oie, Regina.

    rsrsrsrs, bem ser educado já é um dever e obrigação, o que me leva a pensar que escorregar é permitido desde que seja um pequeno. Existem palavras que quando bem usadas são fantásticas, muito obrigada(o), por favor, com licença, me desculpe, e os boa (bom dia, tarde e noite), contudo tem gente que abusa da melação e manda beijos açucarados ou achocolatados ou frutal, exagero também é falta de educação. Porém existe um princípio básico "Respeito", usar sempre o bom senso e ser sincero e nunca franco pois até se conhecer alguém franqueza só se for para colocar um mau educado no devido lugar.

    Beijo amiga e adorei o post.

    Renata quase sempre educada.

    ResponderExcluir
  17. Tolerar a desordem é consequência de uma educação falhada.

    Beijinho.

    ResponderExcluir
  18. Bravo! Adorei esta postagem. É isso aí: mesmo ocupando espaços 'públicos', há regras e limites. As vezes, podemos até, inadvertidamente, dizer alguma 'bobagem' nos comentários - eu já fiz isso e depois exclui, lembra? Mas acho que bom humor não é, e nunca foi, falta de seriedade. Há que haver respeito. A liberdade de um indivíduo termina onde a do outro começa - nunca é demais repetir. Valeu, Rê! Beijos.

    ResponderExcluir
  19. Ôi, Regina! Eu sou um "blogueiro de primeira viagem", pois comecei este ano, sem ainda saber muito bem o que significava blog, por insistência de meus amigos Jair e Rodolfo. Assim, achei de grande utilidade este teu post, pois fiquei ciente de algumas coisas que eu via mas não entendia muito bem. Para mim, o blog é uma forma de compartilhar com mais alguém algumas histórias que conheço e ideias e opiniões que me vem à cabeça. Mas, acho legal quando vejo que não sou o único a encarar certas coisas de determinada forma.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  20. Ré: A boa educação sempre coube em toda a parte, não gosto de gente mal educada e sem respeito pelo seu semelhante, essa gente não faz parte dos meus amigos. Porque desde pequenino que me ensinaram a ser bem educado e a respeitar os outros.
    Beijos
    Santa Cruz

    ResponderExcluir
  21. Querida Re eu ainda sou uma bebe nesse mundo blogueiro, mas ja percebi entrelinhas várias coisas as quais você citou no texto mundo afora, e é triste saber que até no mundo virtual encontramos certas coisas...Eu ainda tenho muito o que aprender, só preciso ter um cadinho mais de tempo p isso...beijokas no coração

    ResponderExcluir
  22. Hola Rê,

    es verdad... a mi también me envían mails diciendo de nuevo post, piden para comentar su blog pero no dejan comentario... jajajaja...
    Y esa frase de Nelson Mandela lo dice todo..."La educación es el arma más poderosa que se puede usar para cambiar el mundo".

    Gracias por compartir tan bello texto.

    Saludos argentinos,

    Sergio.

    ResponderExcluir

Passou por aqui? Deixa um recado. É tão bom saber se gostou, ou não...o que pensa, o que vc lembra...enfim, sua contribuição!

Ocorreu um erro neste gadget