Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

AS ESTAÇÕES DA VIDA

Quando estava na antiga 5ª série do 1º grau tive contato com a língua inglesa. Nunca vou me esquecer da alegria sentida ao enrolar a língua para pronunciar as palavras. Faziam cócegas. Entre versos de Roses are red, Violets are blue, Sugar is sweet; And so are you… a imagem das estações do ano tão definidas me encantou.
Ficava esperando ver o colorido vibrante das folhas do fall ou sobre as montanhas da minha Gerais, a neve branca de um winter rigoroso. Puro sonho. Mas, de tanto sonhar - insistência de viver o inexplicável – realidade se fez.
Minhas estações nunca seguiram a seqüência Prêt- à- Porter. Quantas vezes num verão escaldante era embaixo de um cobertor a piscina que refrescava. 
Ready to wear? Sim! Pronta para viver o sonho de uma, de mil vidas.
O outono foi a estação da minha alma. Pintou meus sentidos. Vibrei com suas cores, seus aromas. Invernei com a sensação de despedida deixada no ar. Outono é saudade...

Mas agora é preciso viver a primavera que se descortina diante de minha janela e assim, quem sabe, me preparar para receber uma nova estação.
Não me importo se é fora da ordem natural... Primavera, verão, outono e inverno porque viver, faz a gente criar estações próprias! (RR)
(Imagens: Arquivo pessoal)


24 comentários:

  1. Ô Tia Rê !!!!.. rss
    Nikicândo tive o primeiro contato cuma língua estrangeira foi incrível também...
    Foi num " convento " éh... juro, Com a irmã Maria de Jesus... sério.. num tô di brink não !!!!.. rss
    Foi a língua ( FRANCESA )... maginific.. tré jouli..
    A primeira frase que decorei foi essa ..
    "Le poulet de moníque est malade" Uauuuuuuu..

    Bejô
    Tatto

    ResponderExcluir
  2. RE
    não bastasse teu texto, gostoso de se ler, vc ainda me põe esta criatura pra cantar???
    pô, covardia....rsrsrsrs
    Minha 6a. tá prá lá de boa.
    Beijoca

    ResponderExcluir
  3. Oi Rê que texto lindo !!

    O inglês o francês também me arrebataram. Talvez pela minha vontade de ir embora do Brasil, eles cada dia estejam mais fortes em mim. Contando as estações ...

    Bisous !!

    Bonjour !!

    ResponderExcluir
  4. - Esse post é Wash & Wear: o texto lava-nos a alma e a música veste-nos de emoções.
    - Aprendi inglês por motivos profissionais, um pouco de francês por tradição familiar e uma pitada de espanhol - suficiente para entender, mas não para escrever ou falar com fluência.
    - Joyeux Noël! Feliz Navidad! Merry Christmas!

    ResponderExcluir
  5. Eu gosto muito do outono da minha vida,,,aquela fase de renovação, de poesia ao opaco, a tudo querendo ser ainda,,,acolhedor e aconchegante,,,beijos querida e um otimo final de semana.

    ResponderExcluir
  6. Hola Regina,

    me encantó tu otoño...!

    Te hablo hoy en cuatro idiomas...:=)

    Joyeux Noël! Feliz Navidad! Feliz Natal! Merry Christmas!

    Y te dejo saludos argentinos,

    Sergio.

    ResponderExcluir
  7. Regina que delicia , que nostalgico .
    me lembrei de quando morei 10 anos nos US, velhos tempos(nem tantos, alguns poucos anos atras), bons momentos.
    bjs
    lulu & Sol

    ResponderExcluir
  8. Amiga linda! Amei seu post/poema! Poesia purinha! E essa música que embalou minha juventude e meus namoros? Lindo de viver! Olha coloquei seu link lá no post-faxina de ontem...vai lá ver e dar seu palpite...beijãozão,

    ResponderExcluir
  9. Venho antes de qualquer coisa me defender contra suas injustíssimas acusações. Sabe o Relicário, aquele meu outro blog quase abandonado por vc? Então, já havia postado textos do Léo e a dona moça nunquinha prestou atenção. Nesse retorno do blog, o primeiro texto é uma repostagem dele e a dona moça foi lá, comentou mas nao reparou no guri. E a culpa é minha agora???

    Oxente, bichinha!!!

    Sobre seu post, afirmo que judiou bastante do meu coração um tanto perdido, pois essa música do James Taylos é das minhas, daquelas que roubei e jamais devolverei.

    E a primavera a mais linda, tem pétalas rosadas a colorirem e perfumarem o mundo.

    Beijos inquietos, meio perdidos, mas sempre ternos.

    ResponderExcluir
  10. - Oxente! A Milene tá braba! Separa qui é briga...

    ResponderExcluir
  11. Gosto do outono da saudade e de tudo que vc escreve...
    um beijo querida....
    bom finds pra vc!

    ResponderExcluir
  12. As estações da vida não seguem uma ordem, se encontram - até nos desencontros que provocamos - mas seguem, tal qual a vida...
    Se cada estação tem um significado, os ciclos quer fechamos são portas abertas que recebem nossos passos, e cada época tem seu cheiro, os tons, sabores e história pra contar. Bom mesmo, é viver, e essa música nos faz pensar no quanto (e tanto) já vivemos. Adorei o post, reflexivo na medida exata, e esse "time", já sabemos, é fundamental para preencher com entendimento o que houvesse ficado vazio, no passado. Presentão, irmiga!
    Bjãozão, com carinho e saudosismo...rs

    ResponderExcluir
  13. "Tenho dentro de mim, um pouco de verão, um pouco de outono e primavera e muito de inverno."

    Beijinho e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  14. Olá Regina,

    é lindo que nem sempre coincidam as estações interiores com as exteriores.
    Oxalá nunca sintas dentro de ti o inverno.

    Deixo-te um beijo enorme e que tenhas un final de semana muito feliz!

    Gosto do teu sorriso na fotografia... gosto de ver-te feliz.

    ResponderExcluir
  15. "A primavera da vida é bonita de viver...tão depressa o sol brilha como se está chover...para mim hoje é janeiro, tá um frio de rachar, parece que o mundo inteiro se uniu pra me tramarrrr....
    não há estrelas no céu..."
    não sei porque lembrei esta música do rui Veloso...;)

    por aqui tá mtooooo frioooo.....vou fugir p Brasil!!

    ResponderExcluir
  16. é viva a etsção da vida...
    ou estações da vida ...viver a primavera da infancia cheia de descobertas boas e traquinagens de criança feliz...depois o verão de uma noite de verão..ou mil e uma noite de amor que pepeu gomes falou na musica....no outono a gente amadurece como os frustos e vai pela vida buscar nosso caminho...no inverno porem é hora de descansar procurar um lugar pousar e pensar no que foi feito ate ali as lembranças boas que são pra lembrar as ruins pra aprender tambem não me ligo em qual estação estou...hoje por exemplo to na primavera ..tarbalhei pra caramba e estou feliz como crianças...tem dias que bate um inverno no coração ??mas se voce esta na primavera e pronta pra outra estção viva querida qualquer uma que bater ai nessa janela ...pois a janela da vida ...esta sua alma e essa é linda como todas as estações do ano
    beijo grande...
    otilia
    ps.. adoro quando fala tosadora ..pois amo ...e nem todos sabem que toso cachorros e vc sabe que tem gente que acha feio..?ser tosadora de cães?/ja recebi varias criticas por ter escolhido aos quase 50 anos essa profissão que pra mim éterapia...por isso amo quando vc me cahama assim;;;;bjs bjs querida
    love you..

    ResponderExcluir
  17. Rê amada minha

    amo inverno...
    sim..vamos ajeitar meu loiro lindo e sua pretinha???
    amo as pessoas que me são gratas e você é..
    Você e Memem não briguem..senão ficarão de castigo heim??

    beijocas

    Loisane

    ResponderExcluir
  18. O Outono também é a minha estação, e por acaso (será?)é quando faço anos também.
    James Taylor ... que lindo.
    Beijos ...

    ResponderExcluir
  19. Ótimi final de semana pro cê amiga!
    Bjs.

    ResponderExcluir
  20. Querida amiga, o outono é a estação mais linda do ano, tenha um lindo final de semana. Beijocas

    ResponderExcluir
  21. Como pude deduzir pelas diversas letras de músicas que eu conheci, os americanos gostam de associar na poesia as estações do ano às fases da vida...A primavera seria a juventude, o verão a fase adulta, o outono a meia idade e o inverno a velhice...
    Mas, na realidade, a gente pode viver na estação que desejar, se sintonizar na faixa certa!
    Uma linda postagem, ilustrada por uma inesquecível música...
    Beleza, Regina!

    ResponderExcluir
  22. VOLTEIIIIIIIII ANJAAAAAAAAAA
    E JAMES TAYLOR....LINDOOOO AMO A MUISCA DELE E TODAS...
    BJS
    OTILIA

    ResponderExcluir
  23. Olá, Regina!
    Gosto dessa coisa que a vida fez de dividir a vida em etapas, ou seja, estações. Pra mim, é algo como: há tempos de plantar, tempos de colher, tempo de descansar, enfim, tempo pra tudo! Cada um no seu lugar.
    Bjs!
    Rike.

    ResponderExcluir
  24. Ainda bem que existem as estações, as do planetinha azul e as de dentro de nós... When you're down and troubled, and you need some loving care... you've gotta friend! Linda canção e, na voz de James Taylor, perfeita! Fico babando ao ver estas fotos de plátanos, tão cheias de cor... Viva a beleza! Beijos, minha linda!

    ResponderExcluir

Passou por aqui? Deixa um recado. É tão bom saber se gostou, ou não...o que pensa, o que vc lembra...enfim, sua contribuição!

Ocorreu um erro neste gadget