Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

sábado, 29 de janeiro de 2011

MINEIRAMAR

                                                                                                  ( Havana)
Quem não é mineiro talvez não entenda o que sinto em relação ao mar. Quando fui conhecer - pela primeira vez - me lembro bem. Tive medo. Olhava para aquela imensidão de água tentando enxergar o final dele. Desvendar os mistérios das águas. Depois veio a curiosidade: como colocavam sal dentro? Aí cheguei ao encantamento do por do sol e a mistura das cores na linha daquele horizonte infinito. Encontro do céu com o Atlântico. Posso ficar horas e divagando digo para mim mesma: Se D’us tem um escritório para despachar com seus velhos anjos e receber novatos, certamente, é naquelas bandas. Impossível não estar inteira numa praia. Ontem sonhei. Lancei uma convocação extraordinária: Reunião urgente, urgentíssima! Que todos os meus eus estejam comigo, amanhã, às 6h, na praia. Imaginei o tempo do sono suficiente para o alinhamento da galera (somos muitas). E agora estamos todas. Em pauta, o silêncio. Daquele de fora. Ausência de notícias. Que faz barulho em som diferente das ondas.
Por quê?
Lá no horizonte, agora, certamente, naquele clarão, estão discutindo algumas respostas.
Tocada pela luz do horizonte, decidi reforçar meu exército e arregaçar as mangas. Mutirão de nós para lidar com o inexplicável.(RR)

25 comentários:

  1. Eu tenho um sentimento contraditório entre a praia e o mar. Pode ? ... Adoro parar o carro em frente ao mar e olhar para a linha do horizonte (dá para alinhar as nossas ideias) e ao mesmo tempo não gostar da areia da praia e da gente !
    Fantástica esta voz da Dulce Pontes, bem diferente da Amália neste Fado/canção tão bem cantado por ela há várias décadas !
    Ambas maravilhosas !

    Beijão Rê e se não podes ir ao mar, pensa e sonha com ele, que é tão belo !
    Bom fds.

    ResponderExcluir
  2. O mar,,,o horizonte,,,aquele céu de fim de tarde, ondas,,,o verde e o azul, são perfeitas pinturas da mãe natureza, são sonhos que bailam em ondas,,,desejos que se perdem nos misterios profundos,,,e uma vontade louca de conseguir se equilibrar na linha do horizonte...super beijo de bom sabado pra ti...

    p.s.e eu como bom mieniro,,,a primeira vez que vi o mar fui bem radical,,,não pestanejei,,,melhei logo o calcanhar todo....um ato de bravura....

    ResponderExcluir
  3. Olá, Regina!
    O encontro com o mar é relamente fantástico! Acho que todos nós somos meioi peixes!kkkk
    Bjs!
    Rike.

    ResponderExcluir
  4. (eu amo esse fado, gosto muito da Dulce Pontes tb)
    bonito esse seu post, poético...realmente o mar é algo impressionante.

    aqui no Japão o mar é que nem praça. Não importa se está calor ou frio, as pessoas vão âs praias para ver o mar e confraternizar. moro perto do mar, adoro ficar horas vendo o mar... é lindo

    bom fim de semana

    ResponderExcluir
  5. Teus mergulhos estão garantidos, Rê...rsrs

    LINDO DE VIVER ESSE TEU POST...ousei descer à profundeza de teus propósitos e entendi tudinho...rs
    Bom findi, amada minha...aqui será show, show!!
    Bjãozão

    ResponderExcluir
  6. "Além do horizonte deve ter
    Algum lugar bonito
    Pra viver em paz
    Onde eu possa encontrar
    A natureza
    Alegria e felicidade
    Com certeza..." (Roberto e Erasmo).

    Bjs.

    ResponderExcluir
  7. Regina R.
    O barbudinho lá de cima.. meu mano Jesuiszinho Cristinho e tudos nossos amiguinhos Anjôrébios.. nos reunimos pra que os horizontes fiquem mais lindos ao encontro das aguas do mar e deixar "Mineiros, Cariocas, Paulistas ...enfim todo mundo com esse olhar de quem num entendeu nada" ao ver essa maravilha.!!

    Deusssssssskiajude
    Bejo ao entardecer
    Tatto

    ResponderExcluir
  8. Que lindeza de postagem..
    Eu so conheço agua doce rsrsr
    praia fake tem areia mas num tem sal.
    rsrsrmas tenho muita vontade, um dia quem sabe...

    beijo amada...
    e um fim de semana liduu..

    ResponderExcluir
  9. Vou me unir a ti nesse pedido e mandar um cadim do marzão das Alagoas pra ti e pra Déya, que tal? E olhe que minha cidade nem é litorânea, mas é pertim, dá até pra imaginar o cheiro de maresia. Me encanta, definitivamente o mar me fascina.

    Beijos, Reginona.

    ResponderExcluir
  10. NÃO TEM COISA MAIS LINDA QUE O MAR...ADORO O MAR ..ADORO O BURBURINHO DELE DE MANHA COM OS PASSAROS..A TARDE COM O POVO CAMINAHNDO..AS ONDAS DE MANHA LONGE LONGE....A PRIMEIRA VEZ QUE EU VI O MAR ..FOI ASSIM TAMBEM..FIQUEI PENSANDO COMO NÃO INVADE A CIDADE? E QUEM POEM SAL NESSA AGUA TODA...VI O MAR COM 6 ANOS E MEU PAI SE ENCARREGOU DE ME MOSTAR ESSA MAGIA...ADORO OS MISTERIOS AS FANTASIAS QUE SÃO CONTADAS DELE...E AMO MAIS AMO A TARDEZINHA FICAR CONVERSANDO COM AS ONDAS...MEU DEUS MORRO DE VONTADE DE MORAR PERTO DELE NO FIM DESSA VIAGEM..SE VOU NÃO SEI?MAIS PRA NÃO DO QUE PRA SIM..POR HORA VOU MATANDO A SAUDADES COM ESSE VIDEO LINDO E MUSICA MARAVILHOSA TAMBEM...

    BOM FINAL DE SEMANA PRA VOCE...BEIJOS ANJA...

    OTILIA

    ResponderExcluir
  11. Hola Regina,

    ya conocia ese fado, por la mano de Alma. Qué lindo, no?
    También yo soy un enamorado del mar.

    Gracias por la música. Ma encantó escucharla de nuevo.

    Saludos argentinos,

    Sergio.

    ResponderExcluir
  12. Olá amiga, excelente fim de semana com planos pra uma semana de paz e alegrias, abraços.
    Deixo uma pérola.
    ★ ┊    ★ ┊┊   ★ ┊  ★ ┊    
    ┊   ┊ ☆   ☆┊ ┊     ★┊  
      ★ ┊   ★ ┊ ★ ┊  ★ ┊
    ┊   ┊ ☆   ☆┊    ★┊ ☆ ☆ 
    ☆┊   ☆   ★ ┊  ★  ┊ ┊ ☆   
    ┊   ┊ ☆   ☆┊  ★┊ ★┊ ★
    ☆┊ ☆   ★ ┊    ★ ┊ ☆

    "Aqui está Deus no dia da criação. Ele olha para as estrelas e diz:
    . 'Todas vocês, estrelas, movam-se para este lugar e comecem a avançar neste sentido, e movam-se
    em um círculo e avancem exatamente como Eu lhes dizer até eu lhes dar outra palavra. Planetas
    levantem-se e girem e façam esta formação em meu comando, até que eu lhes dê outra palavra.'
    . Ele olha para as montanhas e diz: 'Levantem-se'. E elas lhe obedecem. Ele diz aos vales 'rebaixem-se'
    e eles lhe obedecem. Ele olha para o mar e diz 'você vai vir até aqui', e o mar lhe obedece.
    . Em seguida, ele olha para você e diz 'venha!' e você diz 'NÃO!'
    . Será que isso incomoda alguém aqui?“

    ┊   ┊ ☆   ☆┊  ★┊ ☆ ☆ 
    ☆┊     ★ ┊     ┊┊ ☆   
    ┊   ┊ ☆   ☆┊ ★ ┊ ★
    ☆┊ ☆   ★ ┊  ★ ┊ ☆
    Paul Washer

    http://hanukkalado.blogspot.com
    http://valvesta.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Êta mar bão, sô!
    Parece que a praia dos mineiros foi roubada pelos capixabas! Ficaram com toda a praia e deixaram o meio pros mineiros!
    Mas com esse calor, bom mesmo é curtir o mar!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  14. - É como o amor... ora manso, ora bravio, às vezes placidez dourada, às vezes tormenta tenebrosa... o mar que nos separa hoje é o mesmo que nos unirá amanhã.

    ResponderExcluir
  15. É Rê,
    o mar é inspirador mesmo e nos deixa em um estado comtemplativo maravilhoso.

    Eu adoro !!
    Beijinhos querida !!

    ResponderExcluir
  16. Oi Regina!

    Eu adoro o mar! Até ando precisando de um mergulho naquelas águas salgadas, mas infelizmente ainda vai demorar... Me lembrei da música da Ana Carolina (que é de Juiz de Fora), feita a pedido da Maria Bethania. Ela queria uma música que falasse sobre o mar, e a Ana compôs "Eu que não sei quase nada do mar". Ficou linda a letra. Uma delícia ouvir. (aqui tem a letra e o vídeo, com a Bethania cantando: http://letras.terra.com.br/maria-bethania/833860/)

    Beijos

    Carla

    ResponderExcluir
  17. Magnífico, Regina!
    Texto e vídeo.
    Você fez lembrar-me de mim: Só aos dez anos fui ver o mar...
    Encantei-me com ele: apaixonei-me.
    Foi meu primeiro namorado...
    Quanto foi difícil a despedida!
    Grata, querida, por este momento encantado!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  18. O mar tranquiliza-me.
    A canção do mar cantada pela Dulce arrepia-me.

    Beijinhos meus.

    ResponderExcluir
  19. Lindo post.
    Recentemente, resgatei essa cumplicidade, com meu vizinho de frente.
    Foi dentro do Mar, que me ajoelhei e agradeci a Deus a graça de pular uma etapa de sofrimento.
    Descobri que ele é tão magnânimo, que quase não me deixou curvar os meus joelhos ao pai amado.
    Brincamos muito como crianças eternas.
    Sai de lá revigorada, agradecida e encantada.
    Bjs.
    Wilma
    www.cancerdemamamulherdepeito@blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. O mar e seus mistérios toca diretamente nos nossos próprios. Somos silenciosos e revoltos,salgados,misteriosos e explícitos. Somos assim como o mar;quando nos respeitamos somos tranquilos quando não...
    Amei! Montão de bjs e abraços

    ResponderExcluir
  21. Ola minha querida,
    Você me perdoa? rss
    Ainda estou fora da minha casa, então não tenho entrado muito nos blogs... Entrei pouquinho desde Dezembro... Mas espero voltar com força total logo mais...
    Eu nunca abandonarei esse Divã que adoro!
    Um beijão,

    ResponderExcluir
  22. A linha de horizonte,o som das ondas, o cheiro da água salgada...tudo isso traz uma paz imensa, uma tranquilidade que nos coloca num estado de contemplação, de pensamento....de relaxamento...sabe tão bem!!
    A voz da Dulce Ponte nesta música tem o mesmo efeito...para além de arrepiar!
    bom domingo
    bj

    ResponderExcluir
  23. É... mineiro tem um relação de amor com o mar mesmo... talvez exista um pouco de inveja, mas é certamente um paixão...
    beijos moça

    ResponderExcluir
  24. Pois junte a turma toda dos 'eus' e caia na fruição. Beijos, Angelinha

    ResponderExcluir
  25. Algumas das minhas postagens derivam do mar.
    Neto de pescadores, nascido à beira-mar, em que o mar fez parte de todas as vivências infantis e de vida até hoje, vou seguindo amando o mar.
    ...
    Tal como você, dediquei um vídeo ao mar, com o mesmo tema: "Canção do Mar"
    Vidé:» http://joe-ant.blogspot.com/2008/01/oh-mar-salgado-profundo-sem-fim.html «
    cujo nome do post é também uma canção sobre o mar (uma canção cabo-verdiana), também inserida no meu blogue.
    ...
    A própria palavra "galera" (muito usada no Brasil com outro sentido) deriva do mar. E sobre o mesmo navegou muito, até daqui de Portugal para o Brasil e vice-versa.

    ResponderExcluir

Passou por aqui? Deixa um recado. É tão bom saber se gostou, ou não...o que pensa, o que vc lembra...enfim, sua contribuição!

Ocorreu um erro neste gadget