Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

segunda-feira, 17 de maio de 2010

TIETAGEM PARA AMIGO

A gente faz cada coisa por um amigo que, às vezes, até D’US duvida. Aqui nessas Minas Gerais há dois grandes times de futebol e claro, rivais: Atlético/Galo e Cruzeiro/Raposa. Sou Atleticana e, por ironia do destino, tenho mais amigos cruzeirenses do que alvinegros como eu. Na altura de nossa inteira idade, as provocações, piadas, mensagens enviadas por e-mail ou no celular só nos fazem rir. Bem diferente, infelizmente, com o que acontece entre os jovens ou com as torcidas organizadas nos estádios de futebol. Nesse nosso Brasil calçado, do Oiapoque ao Chuí, com chuteiras marca F.P.N. – Futebol Paixão Nacional – brigas não faltam. O Piga – o mesmo do post Regras para a Copa do Mundo – é um cruzeirense desses, que só não vai ao Mineirão assistir seu azul-celeste jogar se tiver preso ou já tiver ido para o “andar de cima”. Tem explicação, eu acho. Ele é aquele famoso doutor que um dia quis ser jogador de futebol, como 11 de 10 brasileiros. Mas na época não existiam esses salários milionários não, e ele acreditou que se tornando doutor faria um "negócio" melhor. Se o pobre tivesse uma bola de cristal, para antever como a saúde é valorizada e bem remunerada nesse nosso país, garanto que tinha se tornado jogador e não um “dotô”. Mas além de não perder um joguinho sequer, ele mantém sua forma - na inteira idade - jogando aquelas famosas peladas de fim-de-semana.
Estou indo pegar meu carro no estacionamento do hospital, depois de uma quinta-feira daquelas, quando vejo entrando um carro enooooooooorme, vidros pretos, desses raros de transitar aqui em Beagá. Os meninos me disseram que é uma Chrysler 300 no valor de, mais ou menos, R$200.000,00.
 Quem o dirigia não permitiu aos manobristas que fizessem seu trabalho. O carro chamava tanta atenção quanto à curiosidade de quem de lá sairia. É alguém importante, disse o proprietário do local. Algum artista outro palpitou. Que nada, aposto que é jogador de futebol, afirmando e buscando adesão para a aposta, um dos meninos da manobra. E eu lá, curiosa, fiquei aguardando o alguém importante, artista, jogador de futebol dar finalmente o ar da sua graça.
Sai o TOURO SENTADO. E eu na minha ignorância de Cacique preta e branca: quem? O Jonathan, Dra. Regina, lateral direito do Cruzeiro, responde um cruzeirense eufórico pela visão. A minha foi de uma tampinha de um menino, projeto em crescimento, que carece de um carro gigantesco e caro para se sentir gente grande. Nem me abalei, a não ser com as risadas que dei e a lembrança imediata do Dr.Ricardo/Piga, amigo cruzeirense. Pedi papel, caneta, cheguei perto do TOURO SENTADO - agora em pé, mesmo não parecendo – pedi licença e o tal do autógrafo. O Touro pensou que era para essa Vaca preta e branca até morrer! Olhou-me de baixo para cima e com um sorriso amarelo, ou melhor, azul e branco perguntou:
- Nome?
- Piga.
-??? (E fez cara de Touro assustado)
- P-I-G-A (Soletrei com a calma de uma Vaca ruminando num, maravilhoso, pasto alvinegro).
“Para Piga, com um abraço do Jonathan” escreveu. Liguei para o Doutor, contei a história e entre muitas risadas, incredulidade, combinamos que só entrego esse mimo - que me custou taaannnto - mediante pagamento: jantar 0800 em restaurante francês, degustando um espumante e saboreando nossas provocações rivais e mútuas! Chumbo trocado não dói. Vale ou não vale a pena, tietagem para amigo?

8 comentários:

  1. Beijo a minha rival, mas é para o sufocar ...

    Beijo.

    ResponderExcluir
  2. Querida amiga.

    Futebol desperta sempre
    histórias
    engraçadas nas suas entrelinhas.

    Hoje passei para cultivar a amizade para que
    as sementes continuem a crescer
    e a se transformar em frutos fortes.

    Uma linda semana para ti.

    ResponderExcluir
  3. CRUZESSSSS Manuel.... ou não entendi ou entendi nauuuummmm rsrs
    Beijuuss n.c.

    Aluísio,amado!
    OBRIAGADA pela visita e tenho certeza que somente frutos fortes e saudáveis, nascem dessa nossa amizade. Uma semana iluminada prá vc.
    Beijuuss n.c.

    ResponderExcluir
  4. Rsrs...mui generosa vc foi com seu amigo.
    Beijocas...

    ResponderExcluir
  5. Cruzeiro o guerreiro dos gramados, sou cruzeirense apaixonado e pra sempre vou te amar...
    Bjos achocolatados

    ResponderExcluir
  6. Pétala,amada!
    Vc viu quanta generosidade e amizade?!rsrs
    Beijuuss n.c.

    Sandra, amada!
    É Cruzeirense????? Mas sendo ou não, vou continuar te amando rsrs
    Beijuuss n.c.

    ResponderExcluir
  7. Tietagem vale, mas com jogador de futebol?????
    Mais não digo pois tenho ojeriza a futebol... E olha que já fui cruzeirende, mas tomei tal antipatia...
    Bom, em comentários então!
    ;-)

    ResponderExcluir
  8. Ô Zé, amado, faço qualquer coisa por um AMIGO como esse... Você sabe que a gente conta nos dedos e às vezes não enche uma mão, aqueles que realmente são AMIGOS. Então...faço qq coisa quando sei que o AMIGO vai gostar.
    Beijuuss n.c.

    ResponderExcluir

Passou por aqui? Deixa um recado. É tão bom saber se gostou, ou não...o que pensa, o que vc lembra...enfim, sua contribuição!

Ocorreu um erro neste gadget