Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

TRABALHO OU PRAZER


Um Presidente de uma determinada empresa, casado há 25 anos, está na maior dúvida se transar com a mulher, depois de tanto tempo de casamento, é trabalho ou prazer. Na dúvida, ligou pro Diretor Geral e perguntou-lhe o que ele achava. O Diretor ligou pro Vice-Diretor e fez a mesma pergunta. O Vice-Diretor ligou pro Gerente Geral e fez a mesma pergunta.
E assim seguiu-se a corrente de ligações até que a pergunta chegou ao Setor Jurídico e o Advogado Chefe perguntou como de praxe, pro Estagiário que estava todo afobado fazendo mil coisas ao mesmo tempo.
- Rapaz, você tem um minuto pra responder se quando o Presidente da empresa transa com a mulher dele é trabalho ou prazer???
- É prazer, Doutor!!! - respondeu o Estagiário prontamente e com segurança.
- Ué? Como é que você pode responder isso com tanta segurança e certeza?
- É que... Se fosse trabalho, já tinham mandado eu fazer !!!

6 comentários:

  1. Como se diz na minha terra :O mexilhão é que se lixa.
    Rsrsrsrs.
    Grato pela visita ao meu quintal.

    Volte sempre.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  2. A dúvida dele só existe porque não sabe "inventar", senão saberia que era puro prazer.
    Como sempre levo daqui a boa disposição que a Regina muito bem nos sabe oferecer neste cantinho delicioso.
    Kandandus deste lado do Atlântico

    ResponderExcluir
  3. Olá Regina!

    Resposta pronta - e sábia - a desse estagiário, de tão óbvia que a mesma lhe parecia - a ele que só viam para dar trabalho ...
    Beijinhos.
    vitor

    ResponderExcluir
  4. Manuel
    Obrigada pela visita de retribuição e pela nova expressão! Aprendi mais uma!
    Beijuus n.c.

    ResponderExcluir
  5. Kimbanda
    Concordo com vc!!! É preciso reinventar todos os dias rsrsrs. Obrigada por suas palavras carinhosas.
    Beijuuss n.c. desse lado de cá do Atlântico

    ResponderExcluir
  6. Vitor
    Pois não é assim que acontece quando somos estagiários??? Mas é uma época que aprendemos muiiiiiito e nossos erros são relevados por estarmos em processo de aprendizagem. Eu me nomeio "eterna aprendiz"!
    Beijuuss n.c.

    ResponderExcluir

Passou por aqui? Deixa um recado. É tão bom saber se gostou, ou não...o que pensa, o que vc lembra...enfim, sua contribuição!

Ocorreu um erro neste gadget