Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

sexta-feira, 11 de junho de 2010

EU SEI E VOCÊ SABE







Eu sei e você sabe

Já que a vida quis assim
Que nada nesse mundo levará você de mim

Eu sei e você sabe
Que a distância não existe
Que todo grande amor
Só é bem grande se for triste

Por isso meu amor
Não tenha medo de sofrer
Que todos os caminhos
Me encaminham a você.

Assim como o Oceano, só é belo com o luar
Assim como a Canção, só tem razão se se cantar
Assim como uma nuvem, só acontece se chover
Assim como o poeta, só é bem grande se sofrer
Assim como viver sem ter amor, não é viver
Não há você sem mim
E eu não existo sem você! (Vinicius de Moraes)

8 comentários:

  1. Rui Veloso, um dos meus cantores preferidos.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Querida e amada Rê!

    Pode até parecer estranho, mas não conhecia esta versão a dois e que dois, desta linda e maviosa lírica de Vinicius. Encantado e sem palavras ou poema de retorno perante a dimensão da obra cantada e tocada assim, por outros gigantes, remeto para Drummond aquilo que não me sai agora...

    Gastei uma hora pensando em um verso
    que a pena não quer escrever.
    No entanto ele está cá dentro
    inquieto, vivo.
    Ele está cá dentro
    e não quer sair.
    Mas a poesia deste momento
    inunda minha vida inteira.

    Carlos Drummond de Andrade


    beijo e kandandos meus a atravessar tanto mar...

    ResponderExcluir
  3. Eu amo essa musica...
    Linda demais...
    Bjos achocolatados

    ResponderExcluir
  4. Gente!!!!!!
    E eu não conhecia essa gravação com o Rui Veloso!
    Amei!!!!!!!
    Bjs.

    ResponderExcluir
  5. Isa, amada!
    Tens bom gosto hein? Mas isso eu já sabia rsrs
    Beijuuss n.c.

    Kimbanda, amado!
    Fico feliiiizzz dimaiiiisss que não conhecia e que tenha gostado. Poesia, já me presenteou no último post e repete deixando a poesia de nosso Drummond.
    Beijuuss n.c.

    Sandra, amada!
    Não é mesmo uma ternura?!
    Beijuuss n.c.

    Fátima, amada!
    Agora que além de me ajudar a "afinar meus instrumentos" e ser uma cantora, consigo te surpreender com uma versão/gravação que não conhecia???? Tô feliiizzz dimaiiisss, sô!
    Beijuuss n.c.

    ResponderExcluir
  6. Lindo demais!

    Hoje também postei algo do Vinícius lá no mosaicos.

    Um ótimo final de semana prá você amiga.

    Bjsssss

    Cid@

    ResponderExcluir
  7. Gostei de aqui passar e pesquizar tantos e tão belos poemas dignos de antologia!

    Mil parabéns pela sua opção!

    ResponderExcluir
  8. Cida, amada!
    Que bom revê-la aqui...logo que possível, com mais vagar estarei lá no seu mosaicos, alimentando-me mais de nosso poetinha.
    Beijuuss n.c.

    Rouxinol de Bernadim
    Que bom recebê-lo aqui nosso Divã! E melhor ainda que tenha gostado de minhas escolhas...a única coisa que posso assegurar é que foram feitas com muito AMOR! Volte sempre, será muito bem-vindo!
    Beijuuss n.c.

    ResponderExcluir

Passou por aqui? Deixa um recado. É tão bom saber se gostou, ou não...o que pensa, o que vc lembra...enfim, sua contribuição!

Ocorreu um erro neste gadget