Não importa onde estamos, numa mesa de bar ou no divã do analista, nossa mente nunca para e nossos medos e desejos nunca nos abandonam. Nem por um instante nos separamos do que realmente somos e, por mais difícil que seja, não controlamos cem por cento nossas atitudes. Se Freud, após 40 anos de estudo da mente humana, continuou com várias dúvidas sobre o ser humano, quem sou eu ou você para julgar as “crises histéricas” da melhor amiga? Só Freud explica!?!
Coisas simples que todos vivemos,pensamos,sentimos e nem sempre conseguimos partilhar. Assuntos, temas, extraídos da minha experiência clínica e do meu cotidiano. Em alguns você pensará: tô fora... Em outros: tô dentro...

terça-feira, 20 de julho de 2010

MÁGOA...

Que trem é esse? Mineiro que é mineiro, quando não consegue uma boa definição nomeia de trem a coisa sem explicação.
Ouço sempre essa palavra nas falas dos pacientes. Estou magoado com meu colega de trabalho... Fiquei magoada com meu namorado... Nunca imaginei que meu amigo pudesse me magoar assim! Até que numa reunião ouvi - de um diretor - a seguinte afirmação/questão: “Me parece que você está magoada... aconteceu alguma coisa?” Saí com a palavra e tentando senti-la em meu coração, fui à caça. Poemas até sabia que existiam, mas música não conhecia não! 
A mágoa não se prende simplesmente se afoga dentro da nossa alma, e fica a perturbar-nos, como uma eterna ferida que se constrói em nossa volta. A palavra, que tem origem no latim macula, representa um sentimento de desgosto, pesar, sensação de amargura, tristeza, ressentimento que podem durar um bom tempo. Por vezes é possível percebê-lo no semblante, nas palavras e nos gestos de uma pessoa. É um descontentamento que, embora frequentemente brando, pode deixar resquícios. Como sou bandeirosa mesmo, esse sentimento devo ter passado, para ele, com todo o meu inteiro ser. Então, pensei: ele deve de ter razão!
 Mas, não me contentei e com a palavra brinquei: mágoa = má + água e água boa é incolor, inodora, insípida. Uma má água é uma água ruim e gosto bom não pode ter! A mágoa é um sentimento de falta de gosto. Ela vai se acumulando no coração, fazendo-o inchar e ficando cada vez mais pesado. A mágoa é criada quando a gente pensa que alguém agiu incorretamente conosco. Se deixar, fica com uma sensação ruim guardada no peito e gosto ruim na boca da alma! Os pensamentos que geralmente vêem a cabeça são: "Não aceito bem isso de você", "Você não devia ter feito isto comigo", "Você me decepcionou", "Estou chateada", etc. Não vivemos sem elas e não vivemos sem produzi-las nos outros.
Nunca tinha, antes, me detido assim para refletir sobre a tal. Lembrei-me de um livro: “O homem que veio da sombra” (Luiz G. Pinheiro) e de palavras que ele define de um jeito bem especial. Mágoa estava lá: “É um espinho que a gente coloca no coração e se esquece de retirar.” Quero isso no meu coração não! Ele derretendo em tinta vermelha?
 Então, relembrando as mágoas que vivi e como as resolvi, vi que havia descoberto uma tecnologia nova (não quero dizer com isso que você possa se beneficiar dela... pode servir ou não...): é procurando a fonte da má-água, é retornando onde fui magoada. É simples mesmo: Procurando novamente quem me magoou para procurar entender como tudo aconteceu. Normalmente, percebo que foi tudo um grande mal entendido. E que, no fim das contas, a errada fui eu por ter me magoado. Aliás, acredito que nenhuma pessoa que me magoou, acordou de manhã cedinho e pensou: HOJE, VOU MAGOAR A REGINA! Então a mágoa foi um entendimento que eu tive de um fato ocorrido. Quem bebeu da má-água? Quem se esqueceu de retirar o espinho do coração? De quem foi o erro??? E eu respondo (com a cara de jacarandá que D’US me deu): MEUUUU!!!! Meu porque eu decidi ficar magoada com algum fato. Sim, a decisão foi toda minha e de mais ninguém. E não confundam mágoa com rancor. Mágoa é algo mais leve, que sentimos por alguém ou algo e que pode facilmente ser perdoado. Sinto que já é hora de tomar minhas decisões voltadas para o meu benefício. E assim eu acredito que serei mais feliz. DECIDIR PELA FELICIDADE é a minha resposta. TÔFORA DESSE TREM, SÔ! (Regina Rozenbaum)
"O homem por sobre quem caiu a praga


Da tristeza do mundo, o homem que é triste


Para todos os séculos existe


E nunca mais o seu pesar se apaga!


Não crê em nada, pois, nada há que traga


Consolo à Mágoa, a que só ele assiste.


Quer resistir, e quanto mais resiste


Mais se lhe aumenta e se lhe afunda a chaga


Sabe que sofre, mas o que não sabe


É que essa mágoa infinda assim, não cabe


Na sua vida, é que essa mágoa infinda


Transpõe a vida do seu corpo inerme;


E quando esse homem se transforma em verme


É essa mágoa que o acompanha ainda!" (Augusto dos Anjos)


17 comentários:

  1. RÊ AMIGA,
    Maravilhoso post, maravilhosa música. São um bálsamo para a mágoa.
    O homem que, por natureza, não é triste pode sofrer a mágoa indelével e infinita de ver a vida acabar para alguém antes que pudésse vivê-la. É MÁGOA que magoa e perdura...
    Um xi-coração,
    J

    ResponderExcluir
  2. Ana Carolina canta a mágoa, com emoção.
    Augusto dos Anjos traça o percurso que ela faz, atravessando a vida com seu peso morto - que só pra lhe acompanhar e pesar os passos serve.

    Lindos os dois jeitos que vc encontrou para ilustrar teus sentimentos, mas fico com tua "caça" ao entendimento, que com clareza e muita sensibilidade teceu teus sentimentos. O "espinho" ficou visível nas tuas palavras, assim como fundo em mim fica mais este ensinamento...ele é absolutamente congruente com o que aprendi sobre escolhas. Eu venho aprendendo a tirá-los...um a um vou aliviando o peso do coração. Tb TÔ FORA desse trem, Rê!! Aff, quero não essa macula no meu coração!

    Adorei começar o dia por aqui. Obrigada por esta linda lição!
    Bjo no teu leve e tão bonito, coração!!

    ResponderExcluir
  3. Ou seja, são nossas atitudes e pensamentos que desencadeiam a tal 'mágua', muitas vezes influenciados pelo comportamento de outros. A responsabilidade é nossa mesmo, é preciso ser ser refratário para não se deixar levar pela carga que recebemos durante o dia, centramento é essencial para isso. Bjos, Rêquerida!

    ResponderExcluir
  4. Belaa reflexão, Rê
    A mágoa, sendo mais leve, “dói” mais que o rancor e muitas vezes infundada, resultante de um mal entendido, mas fica doendo enquanto dura, até um possível esclarecimento ou melhor compreensão da causa. Muitas vezes sem razão de ser ! É uma situação passiva.
    Já o rancor é um estado activo, originado dentro de nós e com uma carga mais pesada, mais feia. Pena quando resulta de uma situação mal avaliada ou até infundada !
    Beijão, amiga.
    .

    ResponderExcluir
  5. Mágoas?
    Afogo elas sem pena!!!!!!!!!!!!!!

    Bjuxxx

    ResponderExcluir
  6. "O prazer visita-nos muitas vezes; mas a mágoa agarra-se cruelmente a nós "


    Um grande beijo de amizade.

    ResponderExcluir
  7. Amadaaaaaaaaaaaa!!

    Mágoa é igual bunda! Cada um tem a sua!...rsss



    Passando para deixar o meu abraço no Dia do Amigo!

    Lia

    ResponderExcluir
  8. Sábias palavras, muito bem!Também eu sou "bandeiroso", a nossa cara não mente por mais que agente tente.
    Mas também, porquê disfarçar? Só sendo naturais podemos ser verdadeiros, assim somos um livro aberto que as páginas voam livres ao vento e nos liberta a alma dorida.Estou contigo, " TÕ dentro desse trem!".
    BJS.

    ResponderExcluir
  9. Amiga, depois volto e leio teu post, juro!!!
    Só vim correndo o mais que eu pude rss (23:36) para te dizer o quanto és especial, amo ter te conhecido e estar aqui, sendo tua amiga!
    Me orgulho de ter teu carinho!

    Feliz Dia do Amigo!
    Que sejas MUITO MUITO FELIZ...sempre"
    BEIJOS BEIJOS BEIJOS!

    ResponderExcluir
  10. Amiga Regina, Shalom! Assalamaleikum! Que o Eterno continue a te iluminar desse jeito!
    Feliz Dia do Amigo! E o assunto que tu postou, é um dos males da humanidade...
    A Mágoa geralmente vem da ingratidão, da falta de reconhecimento, de uma traição, de uma falha para conosco, e geralmente de uma pessoa que gostamos muito não é?
    Mas a mágoa, demora para cicatrizar, e as vezes é algo que se leva para além túmulo. Já vi muito disso.
    Só digo uma coisa: Teu artigo está Dez! Bárbara como sempre, viu?
    Um beijo em teu coração, um abraço.

    ResponderExcluir
  11. Jorge, amado!
    Seu carinho com suas palavras, amigo, é que são, para mim, um bálsamo.
    Beijuuss n.c. + xi-coração

    Dê, moça linda de viverrrrr, amada!
    A gente tira os espinhos para que a má-água não fique tingida com o vermelho/sangue de nosso coração e nem nossa vida com sentimento de falta de gosto... e aí amiga, esse coração volta a pulsar (mesmo que fuinhos tenham nele)! Nesse comboio desse trem, tamufora, e te acolho, recolho e viagem linda iremos fazer...
    Beijuuss n.c.

    André, amado!
    "SOMOS, ETERNAMENTE, RESPONSÁVEIS POR TUDO AQUILO QUE CATIVAMOS" até mesmo, se assim quisermos, por esse trem de má-gua! Eu,TÔFORA!!!
    Beijuuss n.c.

    Rui, amado!
    TÔFORA TÔFORA (duplamente rsrs) desse tal de rancor...esse é peso-pesado mesmo e afunda a quem o carrega pela vida afora! XÔ...
    Beijuuss n.c.

    Fatinha, amada!
    Dôtora ainda não tem essa titulação, pois ainda não fiz defesa de minha tese, mas da vida e da experiência do Divã nosso cada dia, já tô quase me tornando PHD rsrs.
    Beijuuss n.c.

    Carlos, mininu-poeta, amado!
    Afoga donde... Conta prá euzinha, please? Em açaí nauuuummm vale rsrs
    Beijuuss n.c.

    Manuel, poeta, amado!
    Desse agarramento, amigo, TÔFORA. Já outros....rsrs
    Beijuuss, especiais pelo dia da amizade (que descobri em blog seu) n.c.

    Lia,amada!
    Já deixei meu recadinho procê sobre esse dia da amizade, mas além do abraçu apertadim, mando também meus
    Beijuuss n.c.

    Urbano, amado!
    Mais um prá fazer parte desse comboio...bão dimaiiisss!
    Beijuuss n.c.

    ResponderExcluir
  12. Querida amiga.

    Penso que a mágoa,
    nos prende eternamente a alguém.
    Prisão da pior forma,
    pois o outro vive,
    enquanto nós,
    nos martirizamos.
    Optar pala vida é ocupar o coração,
    com as coisas que realmente tem sentido,
    e nos justificam.

    Alegrias plenas para ti.

    ResponderExcluir
  13. Olá RÊ!

    Bonito post este sobre sentimento que todos nós já teremos experimentado - e lindamente apresentado; pedagógico, sem ser pesado, o que o torna fácil e agradável de ler.
    Mágoas, com razão, outras vezes sem ela, é sentimento triste que tende a tomar conta de nós enquanto perdura. O melhor, mesmo, seria que elas não passassem por nós, mas isso já seria pedir demais ...

    Beijinhos.
    Vitor

    ResponderExcluir
  14. Izabel, iluminada, amada!
    Que alegria me dá "rê" vendo-a aqui!!!! Como já lhe disse/escrevi nosso encontro,através desse canal, é por demais precioso para mim...E vamos ter que dividir esse orgulho e carinho em partes iguais! OBRIAGADA por sua visita...fiquei felizzzz dimaiiissss!!!!
    Beijuuss n.c.

    Vozes de minha alma (que nunca sei seu nome) poeta, amado!
    Obriagada pelos elogios...vindo de você, um poeta que ouve as almas, fico até vêxada rsrs.TÔFORA de levar para além-túmulo rsrs.
    Que o PAI continue a derramar suas bençãos em você, em cada um de nós e no MUNDO INTEIRO! SHALOM,ASSALAMALEIKUM,PEACE,PAIX,FRIEDEN,MIR,
    PACE,POKÓJ,VREDE....
    Beijuuss n.c.

    Aluísio, mestre-poeta, amado!
    É isso... desse cativeiro TÔFORA!!! OBRIAGADA por sua visita, que sempre me honra, e esses votos, que desejo para todos nós: ALEGRIA!
    Beijuuss n.c.

    Vitor, amado!
    Não tinha como escrever sobre mágoa, má-gua, de jeito pesado... Afundaria nela(s)e não conseguiria a leveza necessária para VIDA QUE SEGUE!!! Fiz, faço e continuarei a fazer minha escolha: Coração sem espinho, FELICIDADE!
    Beijuuss n.c.

    ResponderExcluir
  15. OLa
    cai no seu blog por causa da imagem gostaria de saber se é sua , por que estu escrevendo um artigo e gostei dessa imagem. Amei seu blog, to te seguindo, amei seu post!
    Parabens
    Venha me visitar quano der.
    beijo

    ResponderExcluir
  16. Olá Lia
    Seja muito bem-vinda! Se gostou volte sempre que quiser e puder. Não, as imagens não são minhas. Escolhi no google e desconheço a autoria, por isso estão sem os devidos créditos. Assim que der vou lá visitar seu cantinho.
    Beijuuss n.a.

    ResponderExcluir

Passou por aqui? Deixa um recado. É tão bom saber se gostou, ou não...o que pensa, o que vc lembra...enfim, sua contribuição!

Ocorreu um erro neste gadget